Música

Artigo

Michael Jackson | Exposição em Londres celebra o Rei do Pop; veja

National Portrait Gallery explora imaginário criado em torno do Rei do Pop

Natália Bridi
05.09.2018
10h05

A National Portrait Gallery, museu de Londres especializado em retratos, hospeda até 21 de outubro a exposição Michael Jackson - On The Wall, organizada para celebrar o que seria o aniversário de 60 anos do Rei do Pop (comemorado em 29 de agosto).

Michael Jackson por Andy Warhol
Michael Jackson/Andy Warhol/Natália Bridi

O título faz um trocadilho com o título de Off The Wall, o quinto álbum de estúdio de Jackson, e explora o imaginário construído em torno da sua figura, antes e depois da sua morte. O foco da curadoria de Nicholas Cullinan e Lucy Dahlsen não é criar uma biografia ou uma coleção de artefatos, mas reunir obras inspiradas por Michael Jackson.

A música e a imagem de Jackson teve e continua a ter uma influência única na cultura. A sua importância é reconhecida quando se trata de música, vídeos, dança, coreografia e moda, porém, seu impacto na arte ainda é uma história não contada. Da década de 1980 para cá, artistas têm sido atraídos a Jackson como tema e fonte de inspiração. Apesar de vir de diferentes gerações, perspectivas, partes do mundo, e empregar diferentes tipos de mídia, cada um desses artistas é fascinado pelo que Jackson representou e criou”, diz o texto de apresentação de On The Wall.

A exposição, montada com o apoio do espólio de Jackson, conta com peças conhecidas, como os retratos criados por Andy Warhol e Keith Haring, e a arte original da capa do álbum Dangerous. Há também espaços interativos, como a sala criada por Candice Breitz, em que 16 telas mostram fãs cantando as músicas do álbum Thriller - o que leva o público da sala a cantar também.

Depois de Londres, Michael Jackson - On The Wall segue para França (Grand Palais Paris, 21 de novembro de 2018 - 20 de fevereiro de 2019), Alemanha (Budeskunsthalle, em Bona , 15 de março - 14 de julho de 2019) e Finlândia (EMMA, em Espoo, 21 de agosto de 2019 - 26 de janeiro de 2020).

Na galeria, reunimos algumas das principais obras em exposição e explicamos a sua origem: