HQ/Livros

Notícia

Mulher-Aranha | Marvel se desculpa pela capa de Milo Manara

Axel Alonso diz que a editora está tentando ser menos sexista

Marcelo Hessel
30.08.2014, às 13H39
ATUALIZADA EM 29.06.2018, ÀS 02H42
ATUALIZADA EM 29.06.2018, ÀS 02H42

A Marvel Comics se pronunciou oficialmente, com um pedido de desculpas, sobre a polêmica capa de Spider-Woman #1 desenhada por Milo Manara, divulgada na semana passada e recebida com críticas pela pose erótica da Mulher-Aranha.

mulher-aranha

None
A capa principal, por Greg Land

mulher-aranha

None
A capa de Spider-Woman #1 por Milo Manara

"Nós queremos que todo mundo - a maior parcela possível de leitores - se sinta bem-vindo para ler Spider-Woman", disse o editor-chefe Axel Alonso ao CBR. "Nós pedimos desculpas - eu peço desculpas - pela mensagem confusa que essa capa transmitiu."

Conhecido pela arte erótica, o italiano Manara é normalmente convidado pela Marvel para desenhar pin-ups e algumas HQs isoladas. A polêmica da vez se deve não apenas pela pose mas, principalmente, por Spider-Woman ser mais um título da editora a apostar em aventuras solo de suas super-heroínas, para atrair o crescente público de leitoras, a exemplo de Tempestade, Viúva Negra e Capitã Marvel.

Alonso se justifica, dizendo que a capa alternativa de Manara não é a principal, que estará em todas as bancas e comic shops, e sim "uma edição limitada voltada para colecionadores". "É um item que não reflete a sensibilidade ou o tom da série, assim como as capas alternativas feitas por Skottie Young [que sempre desenha heróis e vilões como se fossem crianças]."

Em relação às acusações de sexismo, Alonso diz que a Marvel está "longe de ser perfeita, mas estamos tentando [mudar]". Ele aponta que a editora tem cerca de 30% de seu corpo editorial composto por mulheres e que 20% das HQs da casa é estrelada por personagens femininas. "Sempre escutamos o que os fãs têm a dizer, para melhorar o que oferecemos a eles."

Spider-Woman começa a sair em novembro nos EUA e tem roteiros de Dennis Hopeless e desenhos de Greg Land - que fez a capa principal do número 1, que mostra a Mulher-Aranha ao lado da nova personagem da "família Aranha", Silk, apresentada na saga Original Sin.

Esta é a quinta vez que a Marvel tenta emplacar uma série da personagem - a terceira estrelada pela Mulher-Aranha original, Jessica Drew. A última tentativa, entre 2009 e 2010, durou apenas sete edições.

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados e cookies para as finalidades ali constantes.