Cotada para dirigir Viúva Negra, Lucrecia Martel critica abordagem da Marvel

Créditos da imagem: Vingadores: Guerra Infinita/Marvel Studios/Reprodução

Filmes

Notícia

Cotada para dirigir Viúva Negra, Lucrecia Martel critica abordagem da Marvel

"Companhias estão interessadas em cineastas mulheres, mas ainda pensam que cenas de ação são para os homens"

Mariana Canhisares
13.12.2018
10h36

Uma das cineastas que foram cotadas pela Marvel para assumir o filme solo da Viúva Negra, a argentina Lucrecia Martel criticou a abordagem do estúdio com as diretoras. Em uma aula no Festival de Cinema de Mumbai, Martel falou sobre como foi a reunião com representantes da Marvel, revelando que o estúdio não queria que ela se "preocupasse com as cenas de ação" (via CBM).

"O que eles me disseram foi 'precisamos de uma diretora porque queremos alguém que esteja preocupada com o desenvolvimento da personagem de Scarlett Johansson'. Eles também me disseram 'não se preocupe com as cenas de ação, cuidaremos delas'. Pensei, adoraria conhecer a Scarlett Johansson, mas também gostaria de dirigir as sequências de ação."

"As companhias estão interessadas em cineastas mulheres, mas ainda pensam que cenas de ação são para diretores homens. A primeira coisa que pedi foi se, talvez, eles pudessem mudar um pouco os efeitos especiais, porque usam tanto as luzes de laser... acho que são horríveis. Também a trilha sonora dos filmes da Marvel são horrendas. Talvez a gente tenha discordado nisso, mas é realmente difícil assistir a um filme da Marvel. É doloroso para os ouvidos."

Cate Shortland dirige o filme solo da Viúva Negra, com roteiro de Jac Schaeffer. Por enquanto apenas Scarlett Johansson está confirmada no papel principal. Leia a possível sinopse do filme aqui.