Vingadores: Ultimato | 10 versões alternativas do filme

Créditos da imagem: Marvel Studios/Divulgação

Filmes

Lista

Vingadores: Ultimato | 10 versões alternativas do filme

Tony Stark em Asgard, Capitão América perderia a cabeça e mais!

Mariana Canhisares
03.08.2019
10h00
Atualizada em
02.08.2019
17h57
Atualizada em 02.08.2019 às 17h57

Os roteiristas Christopher Markus e Stephen McFeely e os diretores Joe e Anthony Russo precisaram discutir e eventualmente descartar muitas ideias até que Vingadores: Ultimato se tornasse o filme como o conhecemos. Considerando como a viagem no tempo é tão central à narrativa, eles realmente poderiam levar os heróis para qualquer momento da história ou lugar no espaço.

Desde a estreia da produção, os quatro têm revelado algumas dessas versões alternativas. Confira as principais a seguir:

Tony Stark em Asgard?

Marvel Studios/Divulgação

Originalmente, Tony Stark iria para Asgard para tentar recuperar a Joia do Espaço. "Tecnicamente em Thor: O Mundo Sombrio, o Tesseract está no cofre e o Éter também está lá", explicou McFeely.

O herói iria para o espaço com um traje invisível, mas ainda assim Heimdall conseguiria vê-lo. Os dois, então, lutariam. A ideia não se concretizou graças a uma sugestão do diretor Joe Russo: "por que não vamos para Vingadores? É o maior filme, mais divertido, vamos lá".

Capitão América quase perdeu a cabeça

Marvel Studios/Divulgação

Uma das ideias consideradas para a batalha final contra Thanos era bem sombria. Os roteiristas contaram ao IMDB que, quando o vilão chegasse à Terra, ele jogaria nos pés dos heróis a cabeça do Capitão América. "Ainda com o capacete", frisou Christopher Markus.

A cena era impactante, mas nem os roteiristas, nem os irmãos Russo sabiam como dar continuidade a isso. "Ficamos meses pensando 'como fazemos isso dar certo?'", disse Joe Russo. No final, fazer Steve Rogers encarar sua própria cabeça decepada foi deixado de lado.

Feiticeira Escarlate e Rocket na estrada

Marvel Studios/Divulgação

Em uma das versões do roteiro, Wanda Maximoff sobreviveria ao estalar de dedos de Thanos e embarcaria em uma viagem com ninguém menos que Rocket. Eles sairiam de Triskelion e seguiriam até o Sanctum Sanctorum de Nova York, por onde acessariam o Kamar Taj. Lá, eles pegariam a Joia do Tempo. Porém, a dupla de roteiristas achou que a ideia era muito entediante, principalmente dentro de um filme cheio de ação.

Tribunal Vivo quase julgou Thanos

Marvel Comics/Reprodução

Um dos pedidos de Kevin Feige era que Vingadores: Ultimato trabalhasse os elementos psicodélicos das HQs de Jim Starlin. Para cumprir essa proposta, os roteiristas quase incluíram o Tribunal Vivo.

A ideia era que Thanos e Doutor Estranho estivessem brigando e, então, Stephen Strange enviasse o vilão para uma viagem pela mente, uma experiência semelhante ao que o próprio herói viveu no seu filme solo. O Titã Louco, então, veria vários corpos, simbolizando todos os seus crimes. Ao final, ele seria jogado na frente do Tribunal Vivo, que o declararia culpado.

Mais ação em Vormir

Marvel Studios/Divulgação

O sacrifício de Natasha para conseguir a Joia da Alma quase foi bastante diferente. Em vez de ser um momento íntimo entre amigos, Thanos e seus soldados originalmente apareceriam no planeta, dando início a uma briga. A Viúva Negra decidiria se jogar do abismo, enquanto Clint estava se defendendo de golpes. Ele ainda tentaria impedi-la, mas seria em vão.

Morgan Stark mais velha

Marvel Studios/Divulgação

Katherine Langford foi escalada para interpretar Morgan Stark em Vingadores: Ultimato, mas sua participação nunca foi para as telas.

Segundo os irmãos Russo, ao estalar os dedos, Tony Stark iria para um lugar metafísico, onde veria uma versão mais velha da sua filha. Ela o perdoaria pelo seu sacrifício e diria para que fosse em paz. "Parecia interessante, mas eram ideias demais e complicaria muito o filme".

“Thor Lebowski” seria superado

Marvel Studios/Divulgação

Chris Hemsworth precisou insistir para que Thor continuasse com seu físico de "Lebowski". Afinal, originalmente, o herói voltaria a ser forte no meio do filme. 

Capitã Marvel demoraria mais para aparecer

Marvel Studios/Divulgação

Carol Danvers é a grande responsável por salvar Tony Stark e Nebulosa após o estalar de dedos de Thanos. Mas, segundo os irmãos Russo, inicialmente demoraria mais tempo para que ela fosse creditada pelo feito. "A ideia era que teria uma luz laranja na cara de Tony. Ele veria algo, o público não", disse Joe Russo. Ela apareceria já trazendo a nave para a Terra.

Hulk e Banner entrariam em um acordo

Marvel Studios/Divulgação

Vingadores: Guerra Infinita originalmente teria um final um pouco mais otimista para Bruce Banner e Hulk. De acordo com McFeely, durante a batalha em Wakanda os dois entrariam em um consenso, dando origem ao Professor Hulk. O herói, então, quebraria a Hulkbuster, sairia na mão com o Cull Obsidian e sairia vencedor.

"Ficou muito claro que o filme não poderia ter esse sucesso estranho", explicou o roteirista. “A sucessão de perdas no terceiro ato era necessária".

Sem Peggy Carter nos anos 1970

Marvel Studios/Divulgação

Steve Rogers quase não viu Peggy Carter nos anos 1970. "Nossa primeira versão não tinha isso, seria uma pena [que ficasse de fora]", contou McFeely. "A performance de [Chris] Evans, sem dizer uma única fala, faz você entender o quão importante ela era para ele e como ele sente sua falta".