Filmes

Lista

Sem Capitão e Homem de Ferro! Quem pode ser o próximo líder dos Vingadores

Equipe chega à fase 4 sem nomes para comandar os heróis diante das novas ameaças

Mariana Canhisares
12.09.2019
12h00
Atualizada em
12.09.2019
11h47
Atualizada em 12.09.2019 às 11h47

A vitória em Vingadores: Ultimato exigiu da equipe um preço muito alto. Afinal, na revanche contra Thanos, eles perderam não somente alguns dos seus membros mais antigos, mas também seus verdadeiros líderes.

Tome a Viúva Negra como exemplo. Depois do estalar de dedos do Thanos, ela assumiu a importante função de coordenar heróis como Capitã Marvel e Máquina de Combate para garantir a proteção dos sobreviventes em uma escala universal. Mas, quando se deparou com a exigência de um sacrifício para obter a Joia da Alma, a heroína não pensou duas vezes e se jogou do ponto mais alto de Vormir para salvar seus amigos.

O Homem de Ferro, o primeiro Vingador a ser apresentado nos cinemas, foi igualmente valente. Com sua inteligência e teimosia, ele agiu desde o princípio como um líder dos Vingadores e no ápice da batalha contra o Titã Louco não foi diferente. Como consequência, porém, ele também precisou renunciar sua vida e sua família.

O Capitão América teve a despedida mais feliz. Depois de sacrificar sua própria felicidade por tantos anos, o herói aproveitou seu dever de devolver as Joias do Infinito para viver o romance com o qual sempre sonhou. Steve Rogers não fica preso do passado, é verdade. Mas volta envelhecido e decidido a passar seu escudo para frente.

De todo modo, os Vingadores chegam para a fase 4 com a liderança vaga. Sem Homem de Ferro, Capitão América e Viúva Negra, quem comandará a equipe contra as próximas ameaças? Confira a seguir alguns dos fortes candidatos:

DOUTOR ESTRANHO

Marvel Studios/Divulgação

Stephen Strange e Tony Stark não se deram muito bem em Vingadores: Guerra Infinita talvez por serem muito parecidos: ambos são inteligentes, arrogantes e não têm medo de dizer o que pensam, por mais que isso desagrade as pessoas ao redor. Por isso, não é difícil imaginar o antigo cirurgião assumindo a cadeira de comandante dos Vingadores. Ele seria um bom substituto ao Homem de Ferro.

Em Guerra Infinita, ele já teve que tomar decisões arriscadas considerando o bem do universo e contrariando seus aliados - foi ele quem entregou a Joia do Tempo sabendo que esta talvez fosse a única chance da equipe de vencer o vilão de verdade.

Com o Mago Supremo na liderança, porém, a Marvel não deve repetir os mesmos passos que deu com o Homem de Ferro. Através dos poderes do herói e do Olho de Agamotto, o Doutor Estranho pode levar os Vingadores para um rumo mais mágico. Como o próprio título sugere, o próximo filme com o personagem, Doctor Strange in the Multiverse of Madness, pode dar uma prévia de como seria isso - mas só em 2021.

HOMEM-ARANHA

Marvel Studios/Divulgação

Como pupilo do Tony Stark, Peter Parker também é um forte candidato para assumir a liderança do grupo. A idade pode ser um eventual empecilho para apresentar suas estratégias, principalmente considerando como a velha guarda dos Vingadores é sarcástica. No entanto, o próximo filme do herói deve obrigá-lo a amadurecer ainda mais do que Longe de Casa.

Agora que toda a Nova York sabe sua identidade e ele não tem o conforto de ter seu mentor para guiá-lo, o Homem-Aranha não tem alternativa a não ser planejar suas próprias estratégias e, pela primeira vez, ser o cara que toma as decisões difíceis. Se bem-sucedido, talvez sua participação na mesa da equipe seja mais valorizada e as piadas de Rhodes e Thor não sejam um empecilho tão grande.

CAPITÃ MARVEL

Marvel Studios/Divulgação

Como a heroína mais poderosa do universo Marvel, não há dúvidas de que Carol Danvers está na disputa. Com um passado militar, a Capitã Marvel se assemelha em alguns pontos com Steve Rogers, sobretudo considerando seu senso de justiça, sua resiliência e sua total entrega para garantir a segurança de todos. Por outro lado, ela também compartilha com Tony Stark um espírito debochado, além de que claramente se diverte nas missões. Ou seja, ela poderia unir o melhor dos dois heróis e liderar os Vingadores com responsabilidade, empatia e humor nas próximas fases do MCU. 

PANTERA NEGRA

Marvel Studios/Divulgação

Como rei de Wakanda, T’Challa tem muita experiência como líder, tanto no aspecto político, quanto no campo de batalha. A experiência com Killmonger o ensinou a ouvir e aprender até com quem tem ideias opostas às suas, um traço importante para qualquer boa figura de autoridade. Com a ajuda da sua irmã Shuri, uma das mentes mais brilhantes do MCU, ele também pode ser capaz de conciliar um pouco de Homem de Ferro e Capitão América, com o diferencial de trazer os movimentos rápidos e certeiros da Viúva Negra.

FALCÃO

Marvel Studios/Divulgação

Como escolhido de Steve Rogers para assumir o posto de Capitão América, Sam Wilson automaticamente figura na lista de potenciais candidatos. Sua bagagem como militar faz com que ele encare suas missões com seriedade. Além disso, ele é bastante fiel aos seus colegas, um traço importante em um líder.

Porém, vale notar que a série ao lado do Soldado Invernal definirá de vez qual será seu papel dentro do universo Marvel. A estreia é prevista para 2020.

PODEROSA THOR

Alberto E. Rodriguez/ Getty Images North America/AFP

O filho de Odin abdicou do comando de Asgard em Vingadores: Ultimato, mas talvez a Poderosa Thor possa ascender a um posto de liderança a partir de Thor: Love and Thunder. Claro, Jane Foster tem pouca experiência enquanto heroína e terá muito o que aprender. Porém, se ela é capaz de levantar o Mjölnir, ela definitivamente é digna.