Personagens de La Casa de Papel

Créditos da imagem: Netflix/Divulgação

Netflix

Lista

Quem é quem em La Casa de Papel

Relembre a trajetória de casa um antes de ver a quarta temporada da série da Netflix

Rafael Gonzaga e Natália Bridi
03.04.2020
11h56
Atualizada em
03.04.2020
17h52
Atualizada em 03.04.2020 às 17h52

La Casa de Papel, a série espanhola da Netflix, chamou a atenção do público brasileiro ao contar a história de um grupo de desconhecidos que se reúne para realizar o maior roubo da história nas suas duas primeiras partes e depois superar esse roubo na parte 3. O carisma dos personagens é um dos maiores atributos da série e conhecer a história de cada um é essencial para entender todas as intrigas e reviravoltas da série na Parte 4. Para que você saiba mais sobre os personagens, reunimos abaixo a lista de quem é quem na série [cuidado com os spoilers].

Professor | Sergio Marquina (Álvaro Morte)

Professor La Casa de Papel
Divulgação

Interpretado por Álvaro Morte , o Professor é o cérebro das operações da La Casa de Papel. Seu verdadeiro nome é Sergio Marquina, um intelectual que passou a primeira parte da sua vida em uma cama de hospital, onde lia e ouvia histórias sobre roubos contadas pelo pai. Quando o pai morre baleado na porta do Banco Hispano-Americano, o garoto percebe que as histórias eram reais e cresce com uma mistura de orgulho e desejo de vingança. É por isso que Sergio arquiteta o plano de roubar a Casa da Moeda, uma das histórias da sua infância, ao lado do seu meio-irmão Andrés de Fonollosa, o Berlim.

Nas duas primeiras partes da série, o Professor usa a sua imagem de bom moço para manipular a polícia, mas na terceira parte, já romanticamente envolvido com Raquel, a antiga inspetora convertida na criminosa Lisboa, assume com certo orgulho o seu lado bandido, retomando o antigo plano de assaltar o Banco Central para resgatar Rio (preso depois de contactar Tóquio). Ao lado de Lisboa, o Professor é os olhos e ouvidos dos assaltantes, usando uma ambulância transformada em base de operações móvel para fornecer as informações necessárias para o sucesso do plano. As coisas, porém, não são tão simples e o Professor termina a parte 3 acreditando que Lisboa foi executada. Na parte 4, ele precisa reunir forças para corrigir erros e salvar a sua equipe. 

Berlim | Andrés de Fonollosa (Pedro Alonso)

Berlim La Casa de Papel
Divulgação

Interpretado por Pedro Alonso, Berlim é o comandante responsável pela operação na Casa da Moeda nas duas primeiras partes de La Casa de Papel. Seu verdadeiro nome é Andrés de Fonollosa e ele é meio-irmão de Sergio Marquina (fruto de um caso extraconjugal da sua mãe). Ao contrário do Professor, porém, seus motivos para entrar no mundo do crime são menos nobres. Especializado em roubo de joias, ele queria apenas manter o alto padrão de vida que teve na infância. Diagnosticado com uma forma terminal de miopatia, Berlim é violento e arrogante, mas se sacrifica para que a quadrilha possa fugir ao final do assalto à Casa da Moeda.

Na parte 3, o personagem continua a aparecer em flashbacks, que mostram que o assalto ao Banco Central da Espanha foi arquitetado por ele e seu sócio, conhecido como Palermo. Também é revelado que Berlim teve um interesse amoroso, a misteriosa Tatiana, a quem contou os planos sobre o roubo.

Raquel Murillo | Lisboa (Itziar Ituño)

Raquel, Lisboa La Casa de Papel
Divulgação

Itziar Ituño interpreta Raquel, a inspetora policial responsável pela negociação durante o assalto à Casa da Moeda nas duas primeiras partes de La Casa de Papel . Foi casada com o investigador forense Alberto Vicuña, com quem teve uma filha, Paula, e se separou depois de diversas ocorrências de violência doméstica. Ela é inicialmente manipulada por Sergio Marquina, o Professor, mas os dois acabam se apaixonando. Um ano depois da fuga dos assaltantes da Casa da Moeda, ela reencontra seu antigo nêmesis, seguindo as coordenadas deixadas por ele, e os dois engatam o romance, com a antiga inspetora abandonando a sua vida na polícia e mudando-se com a filha e a mãe (que sobre de alzheimer) para a Tailândia.

Quando a quadrilha precisa se reunir para resgatar Rio, Raquel assume o codinome Lisboa e passa a atuar ao lado do Professor como os olhos e ouvidos da missão em uma ambulância transformada em base de operações móvel. Quando os dois são interceptados pela polícia, em uma operação da qual fazia parte o oficial Ángel Rubio (antigo parceiro da inspetora), Lisboa é capturada e o Professor é levado a crer que ela foi executada.

Tóquio | Silene Oliveira (Úrsula Corberó)

Tóquio La Casa de Papel
Divulgação

Interpretada por Úrsula Corberó, Tóquio é a narradora da história de La Casa de Papel e uma das integrantes do grupo formado para assaltar a Casa da Moeda. Seu verdadeiro nome é Silene Oliveira e ela foi encontrada pelo Professor quando fugia da polícia depois de um assalto frustrado (que terminou com três mortes, incluindo seu namorado na época). Durante a preparação para o assalto, Tóquio se envolve com o jovem Rio, contrariando as regras criadas pelo Professor.

Seu comportamento impulsivo é uma fonte de problemas constantes para o grupo, sendo inclusive uma das motivadoras do segundo assalto. Entediada com a vida em uma ilha paradisíaca ao lado de Rio depois do sucesso do primeiro roubo, Tóquio decide que precisa ver o mundo. Sozinho, Rio usa um telefone via satélite para se comunicar com ela, mas acaba sendo identificado pela Europol e é capturado. Para resgatá-lo, Tóquio pede ajuda para o Professor, que encontra no antigo plano de Berlim de assaltar o Banco Central a solução para libertar o integrante da quadrilha enquanto desafia o sistema político e econômico mundial.

No final da parte 3, Tóquio tenta afogar as mágoas ao ser rejeitada por Rio (resgatado, mas traumatizado por ter sido torturado pela polícia), brigando com Nairóbi e seduzindo Denver. Quando Nairóbi é ferida e fica entre a vida e a morte depois da emboscada da inspetora Sierra, Tóquio assume o contra-ataque, explodindo um tanque da polícia ao lado de Rio.

Rio | Aníbal Cortés (Miguel Herrán)

Rio La Casa de Papel
Divulgação

Miguel Herrán interpreta Rio, escalado para o grupo de assaltantes por seu passado como hacker. Seu verdadeiro nome é Aníbal Cortés e foi encontrado pelo Professor enquanto fugia da Interpol. Durante a preparação para o assalto em Toledo, Rio se envolve com Tóquio, contrariando as regras criadas pelo Professor.

Sua imaturidade é uma fonte constante de problemas para o grupo (incluindo seu flerte com Alison Parker, a filha do embaixador e refém fundamental do primeiro roubo), sendo inclusive um dos motivadores do segundo assalto. Abandonado por Tóquio em uma ilha paradisíaca, ele não se contém e usa um telefone via satélite para contatá-la, mas acaba identificado pela Europol e é capturado. Sua prisão não é anunciada publicamente, com o garoto sendo usado como isca para a captura dos outros membros da quadrilha (o que motiva o Professor a resgatar o plano de assalto ao Banco Central arquitetado por Berlim). A inspetora Sierra, designada para o caso depois da saída de Raquel/Lisboa, é responsável por torturar Rio durante esse período.

Ele é libertado durante o assalto ao Banco Central, sendo reintegrado à equipe. Lá, Rio termina de vez seu relacionamento com Tóquio, afirmando que os dois querem coisas diferentes (ele estabilidade, ela emoção). Apresentando sinais de trauma, retoma o seu posto no grupo e explode, ao lado de Tóquio, o tanque da polícia que pretendia invadir o Banco Central após o ataque a Nairóbi.

Moscou | Agustín Ramos (Paco Tous)

Moscou La Casa de Papel
Divulgação

Paco Tous interpreta Moscou, um mineiro que foi afastado da profissão por conta da asma, começou a trabalhar como serralheiro, mas se encontrou mesmo no mundo do crime, sendo condenado pelo roubo de várias joalherias. Seu verdadeiro nome é Agustín Ramos e foi escalado para construir o túnel que serviria de rota de fuga durante o assalto à Casa da Moeda. É Moscou quem convence o Professor a aceitar seu filho Ricardo, o Denver, na equipe.

Durante o primeiro assalto, quando Tóquio é capturada pela polícia e retorna para a Casa da Moeda durante a sua tentativa de fuga, Moscou acaba sendo baleado. Apesar dos esforços da equipe para finalizar o túnel e levá-lo para o atendimento médico, ele acaba morrendo.

Denver | Ricardo Ramos (Jaime Lorente)

Denver La Casa de Papel
Divulgação

Jaime Lorente interpreta Denver, o impulsivo filho de Moscou. Seu verdadeiro nome é Ricardo Ramos e foi escalado para o assalto à Casa da Moeda a pedido do seu pai, que queria tirá-lo das ruas. Durante o primeiro assalto, ele recebe ordens de Berlim para executar Mónica Gaztambide, a secretária grávida do Diretor da Casa da Moeda Arturo Román que havia sido flagrada com um celular. Incapaz de matá-la, Denver forja o assassinato com um tiro na perna de Mônica e a esconde em um dos cofres do prédio. Enquanto Denver a visita para levar comida e trocar os curativos do seu ferimento, os dois se apaixonam e Mônica passa de refém a aliada, assumindo o nome Estocolmo.

Depois da fuga da Casa da Moeda, o casal permanece junto, com Denver assumindo o filho de Mônica com Arturo. Porém, quando os dois são convocados para ajudar no plano de resgate de Rio, os problemas da relação começam a aparecer, principalmente por conta do comportamento impulsivo e muitas vezes machista de Denver. Ainda na parte 3, ele resiste à sedução de Tóquio, que queria afogar as mágoas depois do rompimento com Rio.

Mónica Gaztambide | Estocolmo (Esther Acebo)

Monica Estocolmo La Casa de Papel
Divulgação

Esther Acebo interpreta Mónica Gaztambide, uma mulher que se tornou com muito custo secretária de Arturo Román, o Diretor da Casa da Moeda. O problema é que ela se envolve com seu chefe, casado e com filhos, e descobre que está grávida dele pouco antes do local de trabalho ser invadido pelos sequestradores. Mesmo rejeitada por Arturo, ela participa de uma tentativa do ex-amante de contatar a polícia, mas é flagrada escondendo um celular. Berlim ordena que ela seja executada, mas Denver é incapaz de cumprir a missão, ferindo Mônica na perna para forjar o assassinato e a escondendo em um dos cofres do prédio. Enquanto Denver a visita para levar comida e trocar os curativos do seu ferimento, os dois se apaixonam e ela passa de refém a aliada, assumindo o nome Estocolmo.

Depois da fuga da Casa da Moeda, o casal permanece junto, com Denver assumindo seu filho. Porém, quando os dois são convocados para ajudar no plano de resgate de Rio, os problemas da relação começam a aparecer, principalmente por conta do comportamento impulsivo e muitas vezes machista de Denver. Na parte 3, Estocolmo quer mostrar que é importante para o grupo, não apenas o acessório de um de seus integrantes.

Arturo Román | Arturito (Enrique Arce)

Arturo La Casa de Papel
Divulgação

Enrique Arce interpreta Arturo Román, o diretor da Casa da Moeda, além de chefe e amante de Mónica Gaztambide (que descobre momentos antes do assalto que está grávida). Depois de rejeitar a secretária por ser um homem de família, Arturo se mostra ainda mais detestável ao longo do assalto. Constantemente colocando outros reféns em risco, é responsável pela situação que levou Mónica a ser flagrada com um celular, fazendo com que Berlim ordenasse a execução da secretária. Sem saber que ela foi poupada por Denver, Arturo surta durante um plano para que Moscou tomasse um pouco de ar no telhado do prédio (que envolvia ter sequestradores e reféns usando macacões vermelhos e máscaras de Dalí). Observando o movimento suspeito, a inspetora Raquel Murillo (futura Lisboa) autoriza os atiradores de elite e Arturo é ferido no ombro.

Depois de receber atendimento, e de criar outras tentativas de fuga, Arturo se coloca em uma posição favorável, com uma arma na cabeça de Denver. É o momento em que Mónica assume a identidade de Estocolmo, nocauteando seu ex-amante com uma paulada na cabeça. Na parte 3 é revelado que Arturo se tornou um coach motivacional, reconhecido com um “herói” do assalto a Casa da Moeda. Ele acaba sendo chamado como consultor durante o segundo roubo e, depois de se desentender com a polícia, invade o Banco Central no momento da entrada de Rio.

Nairóbi | Ágata Jiménez (Alba Flores)

Nairóbi La Casa de Papel
Divulgação

Alba Flores interpreta Nairóbi, escalada para o assalto à Casa da Moeda por seu talento com falsificações. Seu verdadeiro nome é Ágata Jiménez e seu grande trauma é a perda da custódia do filho em função das suas atividades criminosas. Durante o primeiro roubo, ela mostra também a sua aptidão para liderança, coordenando a impressão de dinheiro e sendo a responsável por assumir o comando quando Berlim ameaçava executar Rio (que havia contado para todos os reféns o verdadeiro plano de fuga da quadrilha). Dando uma paulada na cabeça de Berlim ela declara: “Que comece o matriarcado”.

Durante o primeiro roubo, Nairóbi se aproxima de Helsinki, com quem acaba fugindo. Apesar do amigo deixar clara a sua sexualidade (Helsinki é gay), ela vê nele a sua última chance para amar. Quando a dupla é convocada para o plano de resgate de Rio, Nairóbi fica encarregada de comandar a extração do outro do cofre. É lá que se aproxima, e rejeita, Bogotá, o metalúrgico mais experiente da sua equipe. Ao final da parte 3, é manipulada pela Inspetora Sierra, que usa o filho de Nairóbi como isca. Na esperança de vê-lo, ela se aproxima da janela do banco, leva um tiro e fica entre a vida e a morte.

Helsinki | Yashin Dasáyev (Darko Perić)

Helsinki  La Casa de Papel
Divulgação

Darko Perić interpreta Helsinki, sérvio que entrou para o grupo pela força bruta e experiência em batalha. Seu verdadeiro nome é Yashin Dasáyev, sendo primo de Radko Dragic, o Oslo.

Apesar do jeito de brutamontes, ele se mostra bastante sensível, ainda que tenha estômago para decisões difíceis: quando Oslo leva uma paulada na cabeça que o deixa em estado vegetativo, Helsinki decide que o melhor caminho é livrar o primo do seu sofrimento e o asfixia com um travesseiro.

Durante o primeiro assalto ele se aproxima de Nairobi, com quem acaba fugindo. Apesar de deixar clara a sua sexualidade (Helsinki é gay), a amiga acaba vendo nele a sua última chance para o amor. Durante os planos para o segundo roubo, ele acaba se interessando por Palermo, que não dá muitas esperanças para o grandão.

Oslo | Radko Dragic (Roberto García)

Oslo La Casa de Papel
Divulgação

Roberto García interpreta Oslo, sérvio que entrou para o grupo pela força bruta e experiência em batalha. Seu verdadeiro nome é Radko Dragic, sendo primeiro de Yashin Dasáyev, o Helsinki.

Durante o primeiro assalto ele leva uma paulada na cabeça que o deixa em estado vegetativo e cabe a Helsinki livrá-lo do seu sofrimento. Oslo acaba sendo asfixiado com um travesseiro pelo próprio primo.

Ángel Rubio (Fernando Soto)

Ángel Rubio La Casa de Papel
Divulgação

Fernando Soto interpreta Ángel Rubio, o inspetor parceiro de Raquel Murillo durante o primeiro assalto. No passado, os dois tiveram um envolvimento de uma noite, o que deixou Ángel apaixonado para sempre. Durante o primeiro assalto, tomado por ciúmes, ele acaba descobrindo o envolvimento do Professor com o assalto, mas depois de uma noite de bebedeira sofre um acidente de carro e entra em coma. Quando ele acorda do coma, tem uma conversa com Raquel para esclarecer tudo. Na hora de mostrar lealdade, Ángel não revela as informações que tinha sobre o Professor que poderiam incriminar Raquel e todos tem um final feliz (menos ele).

Na Parte 3, Ángel continua como parte da polícia, fazendo parte da equipe que perseguia Lisboa e o Professor. Quando a ex-policial é capturada, a amizade entre os dois permanece, mas Ángel fica do lado da lei e não serve de grande ajuda para Lisboa.

Palermo | Martín Berrote (Rodrigo De la Serna)

Palermo La Casa de Papel
Divulgação

Rodrigo De la Serna interpreta Palermo, o misterioso parceiro de Berlim apresentado na Parte 3. Engenheiro argentino com aspirações revolucionárias, seu verdadeiro nome é Martín Berrote e ele assume a liderança do grupo nesse segundo golpe. Sua lealdade, porém, é com a causa, ainda que não esteja muito claro o seu objetivo. 

Ele nutre uma paixão por Berlim, o que incomoda o Professor, que considerava esse apego emocional um risco para o plano. É por isso que os dois se separam e Palermo não participa do primeiro assalto. 

Bogotá (Hovik Keuchkerian)

Bogota La Casa de Papel
Divulgação

Hovik Keuchkerian interpreta Bogotá, o experiente metalúrgico que participa do assalto ao Banco Central da Espanha. Apesar de entrar para o time apenas no segundo assalto, Bogotá já conhecia o Professor, Berlim, Marselha e Palermo. Mulherengo e pai de muitos filhos, ele se interessa por Nairóbi, que não corresponde inicialmente as suas investidas.

Marselha (Luka Peros)

Marselha La Casa de Papel
Divulgação

Luka Peros interpreta Marselha, o ex-soldado que participa do assalto ao Banco Central da Espanha. Apesar de entrar para o time apenas no segundo assalto, Marselha já conhecia o Professor, Berlim, Bogotá e Palermo. Na parte 3 ele fica encarregado de assessorar a estratégia externa do assalto com o Professor e Lisboa.

Inspetora Alicia Sierra (Najwa Nimri)

Inspetora Sierra La Casa de Papel
Divulgação

Najwa Nimri interpreta a Inspetora Alicia Sierra, policial que assume o caso do assalto à Casa da Moeda depois da saída de Raquel/Lisboa. Ela é vista pela primeira vez interrogando Rio (e comandando a sua tortura) e depois assume as negociações com os assaltantes do Banco Central. Mesmo nos últimos meses de gravidez, ela não perde a frieza e consegue manipular os assaltantes como ninguém. É ela quem usa o filho para chantagear Nairóbi, fazendo com que a falsificadora levasse um tiro e ficasse entre a vida e a morte.

Gandía (José Manuel Poga)

Gandia La Casa de Papel
Divulgação

José Manuel Poga interpreta Gandía, o chefe da segurança do Banco Central da Espanha. Militar experiente, ele sabe todos os segredos do prédio e pode ser a maior ameaça enfrentada pelos assaltantes (como Berlim já havia alertado no passado). Inicialmente detido, ele se liberta com a ajuda de Palermo (que foi tirado da posição de líder do grupo e queria causar o caos interno para retomar o poder), colocando a vida de todos em risco. 

 

Tatiana (Diana Gómez)

Tatiana La Casa de Papel
Divulgação

Diana Gómez interpreta Tatiana, a misteriosa esposa de Berlim apresentada na Parte 3. Ela sabe de todos os planos dos assaltantes e pode se provar uma peça fundamental no desfecho da história.

Juanito | Julia | Manila (Belén Cuesta)

Julia Manila La Casa de Papel
Instagram/Koldo Serra

Belén Cuesta interpreta Julia, a assaltante infiltrada entre os reféns durante o assalto ao Banco Central da Espanha. É revelado em um flashback que ela é uma mulher trans, conhecida de Moscou e Denver, que convencem o Profressor a integrá-la ao assalto para tirá-la da pobreza. Apesar do encontro ocorrer na época do primeiro assalto, Manila só integra a equipe no segundo golpe e é fundamental na hora de conter Arturo. 

Coronel Tamayo (Fernando Cayo)

Coronel Tamayo  La Casa de Papel
Divulgação

Fernando Cayo interpreta o Coronel Tamayo, responsável por comandar as operações da Espanha contra o assalto ao Banco Central. 

Coronel Prieto (Juan Fernández)

Coronel Prieto La Casa de Papel
Divulgação

Juan Fernández interpreta o Coronel Prieto, cujo principal objetivo no primeiro roubo era liberar a refém Alison Parker o mais rápido possível para evitar que o sequestro se torne um incidente internacional, já que ela é filha de um diplomata inglês. Já no segundo assalto, ele aparece como porta-voz do governo, negando as acusações do Professor sobre abuso de poder da polícia. 

Alison (María Pedraza)

Alison Parker La Casa de Papel
Divulgação

María Pedraza interpreta Alison Parker, filha do embaixador britânico, uma adolescente tímida, nerd e sufocada pela superproteção de todos. Quando Pablo, o rapaz mais bonito de sua turma, se declara para ela no ônibus no caminho para uma excursão à Casa da Moeda, Alison não pensa duas vezes - mas os eventos seguintes vão fazer com que ela se arrependa. Já como refém, acaba se aproximando de Rio, usando a ingenuidade do hacker para se comunicar com o mundo exterior.