Filmes

Notícia

Harry Potter | Guillermo Del Toro revela se arrepender de ter recusado dirigir Prisioneiro de Azkaban

Diretor disse que terceiro longa da franquia é um grande filme

Rafael Gonzaga
28.06.2017, às 21H42
ATUALIZADA EM 29.06.2018, ÀS 02H39
ATUALIZADA EM 29.06.2018, ÀS 02H39

Guillermo del Toro contou que gostaria de poder voltar atrás e ter dirigido Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban. Quando Chris Columbus decidiu que não dirigiria a terceira parte da franquia após ter feito os dois primeiros, del Toro, Kenneth Branagh, M. Night Shyamalan e Marc Forster se tornaram potenciais candidatos para dirigir o terceiro filme. Guillermo del Toro recusou o trabalho por conta de seu envolvimento na época em Hellboy. (via Indiewire)

"Eu tive a incrível oportunidades de dizer não a grandes filmes", disse durante um bate papo de 90 minutos no Annecy Festival. Na época, ele sentiu que seu estilo não se encaixaria na atmosfera "feliz e cheia de brilho" dos dois primeiros filmes. Depois que a série começou a ficar mais obscura, ele ficou mais interessado na franquia.

Há alguns anos, del Toro chegou a comentar a recusa. "Eu sempre amei os livros, e acho que esse universo, esses atores são incríveis. Os dois primeiros livros foram uma revelação. Quando eu não dirigi o terceiro, eu estava reagindo mais aos dois filmes que vieram antes, e eu senti o tom era muito mais leve do que os livros. Eu tive muito medo de entrar em uma experiência onde a mudança de tom seria tão grande. Eu era tímido".

O diretor contou que gostaria de ter adaptado Harry Potter e as Relíquias da Morte para o cinema - contudo, se a Warner hoje pensasse em fazer um remake da série de filmes, ele não estaria interessado em participar. Ele conta que, para ele, é um assunto que ficou para trás e que Alfonso Cuarón, o diretor do terceiro longa, fez um trabalho fantástico, aplicando sua imaginação na história de JK Rowling.

O próximo filme do universo Harry Potter será Animais Fantásticos e Onde Habitam 2, que começa suas gravações em julho e tem estreia marcada para 16 de novembro de 2018. A continuação será ambientada em Paris, mas também deve ter cenas na Inglaterra, cenário habitual de Harry Potter - saiba mais.

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados e cookies para as finalidades ali constantes.