Friends

Créditos da imagem: Warner Bros.

Séries e TV

Notícia

Criadora de Friends pede desculpas por confundir pronome de personagem

Helena Handbasket, interpretada por Kathleen Turner, foi frequentemente tratada como homem durante a série

Omelete
2 min de leitura
Bia Vaccari
06.07.2022, às 09H18
ATUALIZADA EM 06.07.2022, ÀS 09H45
ATUALIZADA EM 06.07.2022, ÀS 09H45

Marta Kauffman pediu desculpas por confundir a personagem de Kathleen Turner em Friends. Durante uma entrevista ao programa de rádio da BBC, The Conversation, a co-criadora da sitcom admitiu que foi um "erro" referir-se a Charles Bing / Helena Handbasket como um homem na época.

"Os pronomes ainda não eram algo que eu entendia. Então não nos referimos a essa personagem como 'ela'. Isso foi um erro", declarou Kauffman (via NME).

Apesar de Friends nunca ter confirmado de fato que a personagem de Turner era trans, Kauffman confirmou que sim, era. Durante os episódios, Chandler referia-se a ela como "seu pai", embora ela também fosse conhecida como Helena Handbasket, nome criado para seu show transformista.

Kauffman acrescentou ainda que ela se propôs a criar um ambiente seguro no set da sitcom e não tolerava a transfobia fora da tela.

"Gosto muito de criar um ambiente onde tenhamos um set feliz e uma equipe feliz", pontuou. "É muito importante para mim que onde estamos seja um lugar seguro, um lugar tolerante, onde não haja gritos. Eu demiti um cara na hora por fazer uma piada sobre um cinegrafista trans. Isso simplesmente não pode acontecer."

Exibida originalmente entre 1994 e 2004, Friends mostra a vida de seis amigos de 20 e poucos anos morando em Nova York. Todas as dez temporadas estão disponíveis para streaming na HBO Max.

Omelete agora tem um canal no Telegram! Participe para receber e debater as principais notícias da cultura pop (t.me/omelete).

Acompanhe a gente também no YouTube: no Omeleteve, com os principais assuntos da cultura pop; Hyperdrive, para as notícias mais quentes do universo geek; e Bentô Omelete, nosso canal de animes, mangás e cultura otaku.

 

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados e cookies para as finalidades ali constantes.