Filmes

Notícia

Warner encontra 17 minutos perdidos - e em perfeitas condições - de 2001 de Stanley Kubrick

Material estava na versão da pré-estreia do filme, mas o diretor preferiu eliminar na estreia

Marcelo Hessel
21.12.2010
01h00
Atualizada em
21.09.2014
14h13
Atualizada em 21.09.2014 às 14h13

Douglas Trumbull e David Larson pesquisavam material para um documentário sobre 2001 - Uma Odisseia no Espaço, quando descobriram nada menos que 17 minutos de filme, em perfeitas condições - material que Stanley Kubrick deixou de fora da versão final.

Os rolos estavam enterrados em um cofre em uma mina de sal no Kansas. (O ambiente de sal pode ter sido escolhido para a umidade não afetar as películas.) Não são 17 minutos brutos, mas editados, que estavam na versão exibida na pré-estreia em 2 de abril de 1968 e que Kubrick cortou para a estreia oficial no dia 6 de abril.

A descoberta foi feita pela Warner Bros., que tem os direitos do filme. Trumbull deu a notícia em uma exibição de 2001 em 70mm em Toronto, mas não tem ideia de quando e como o estúdio pretende mostrar em público o material raro.

[ATUALIZADO em 21/12] A Warner Bros. manifestou-se sobre a "descoberta": "As filmagens adicionais de 2001 sempre estiveram nos cofres da Warner Bros. Quando o diretor Stanley Kubrick tirou os 17 minutos do filme depois de seu lançamento, ele deixou claro que a versão mais curta era sua montagem final. O filme existe hoje como Kubrick quis que fosse apresentado e a Warner Home Video não tem planos para estender ou revisar essa visão”. [FIM DA ATUALIZAÇÃO]

Infelizmente, o estúdio cancelou o documentário da dupla, 2001: Behind the Infinite - The Making of a Masterpiece. Assim, Trumbull e Larson vão aproveitar imagens inéditas de bastidores em um livro. Assista a um vídeo da produção do agora finado documentário: