Viola Davis diz se arrepender de papel em Histórias Cruzadas

Créditos da imagem: Film Frame/DreamWorks II Distribution/Divulgação

Filmes

Notícia

Viola Davis diz se arrepender de papel em Histórias Cruzadas

Atriz foi indicada ao Oscar pelo filme de Tate Taylor

Julia Sabbaga
12.09.2018
09h25

Em entrevista ao The New York Times, Viola Davis falou sobre arrependimentos em sua carreira, e revelou ter questionamentos sobre seu papel no filme de Tate Taylor, Histórias Cruzadas, pelo qual foi indicada ao Oscar na categoria de melhor atriz. Questionada sobre se já recusou um papel e depois se arrependeu, Davis respondeu:

"Uma pergunta melhor seria se eu já fiz papeis que me arrependo. Eu fiz, e Histórias Cruzadas está nesta lista. Mas não em termos da minha experiência ou das pessoas envolvidas, porque são todas ótimas. As amizades que eu fiz eu terei para o resto da minha vida. Eu tive uma ótima experiência com as outras atrizes, que são seres humanos extraordinários. E não poderia ter pedido por uma colaboração melhor do que tive com Tate Taylor. 

Eu só senti que nos final das contas não foi a voz das empregadas que foi ouvida. Eu conheço Aibileen [sua personagem no filme]. Conheço Minny [personagem de Octavia Spencer]. Elas são minha avó e minha mãe. E eu sei que se você quer fazer um filme cuja premissa é entender como é trabalhar para pessoas brancas, e criar seus filhos em 1963, eu quero ouvir como você realmente se sente. E eu nunca ouvi isso no filme". 

Histórias Cruzadas foi lançado em 2012 no Brasil, e rendeu à Octavia Spencer o Oscar de melhor atriz coadjuvante. 

Viola Davis é protagonista no próximo filme de Steve McQueen, As Viúvas, que estreia em 16 de novembro - veja o trailer.