Filmes

Notícia

Suspiria | Amazon Studios é processado por "inspiração indevida"

Responsáveis pelo espólio de Ana Mendieta alegam que cenas do longa são similares ao trabalho da artista

Natália Bridi
28.09.2018
12h47
Atualizada em
28.09.2018
13h27
Atualizada em 28.09.2018 às 13h27

Segundo a Variety, o Amazon Studios está sendo processado pelos responsáveis pelo espólio da artista Ana Mendieta (que faleceu em 1985) por conta de similaridades entre a obra da artista e cenas de Suspiria.

Suspiria
Amazon Studios/Divulgação

Um aviso oficial foi enviado ao estúdio em julho, alegando que o teaser divulgado em 4 de junho continha duas cenas com similaridades a Rape SceneUntitled (Silueta Series, Mexico), trabalhos lançados na década de 70. A Amazon retirou o teaser e excluiu as cenas do trailer oficial, mas o espólio da artista alega que outras cenas do filme foram inspiradas pelo trabalho de Mendieta. 

O diretor Luca Guadagnino já havia comentado sobre as inspirações do longa, alegando que buscou referências de arte feminista para moldar o visual do remake. Além de Mendieta, Gina Pane, Francesca Woodman e Judy Chicago foram citadas pelo cineasta.

O filme acompanha - sob a lógica distorcida e surreal de um pesadelo - uma garota dos EUA que chega em uma escola de dança de elite na Alemanha para estudar balé. Na verdade, a escola é só fachada para uma doentia reunião de bruxas. Chloe Grace Moretz, Dakota Johnson, Tilda Swinton, Mia Goth e Jessica Harper estão no novo elenco.

O roteiro é de David Kajganich. A estreia está marcada para 2 de novembro nos EUA.