Star Wars: A Ascensão Skywalker | JJ Abrams comenta retorno do Imperador

Créditos da imagem: Lucasfilm/Divulgação

Filmes

Notícia

Star Wars: A Ascensão Skywalker | JJ Abrams comenta retorno do Imperador

Diretor trouxe vilão de volta depois de 36 anos

Nicolaos Garófalo
29.08.2019
13h25

De volta depois de O Retorno de Jedi, o Imperador Palpatine (Ian McDiarmid) será central na trama de Star Wars: A Ascensão Skywalker. O vilão, derrotado por Darth Vader no Episódio VI, teve seu retorno confirmado no teaser da Star Wars Celebration e no pôster revelado na D23.

Questionado sobre a influência do Lorde Sith no nascimento de Rey (Daisy Ridley), JJ Abrams afirmou que isso faz parte da história e que o personagem está no pôster por uma boa razão.

Protagonista da nova trilogia, Ridley disse que o retorno de Palpatine, “o maior vilão da história de Star Wars”, não é “do nada” e que o final da saga não poderia ser diferente. Já John Boyega (Finn) contou que Imperador voltou para que os novos personagens possam “se livrar dele direito”.

Mark Hamill foi confirmado no elenco do filme, apesar dos acontecimentos com Luke Skywalker em Os Últimos Jedi. Em um post recente nas redes sociais, o ator indicou que o personagem pode voltar como um Fantasma da Força. Carrie Fisher também estará na produção com cenas feitas originalmente para o Episódio VII. A atriz morreu em dezembro de 2016. Outra novidade dos filmes clássicos é o retorno de Billy Dee Williams como Lando Calrissian.

Ainda não há detalhes sobre a história, descrita apenas como: "os sobreviventes da Resistência encaram a Primeira Ordem mais uma vez no capítulo final da saga Skywalker".

O filme estreia no Brasil em 19 de dezembro.