Rubens Ewald Filho, em foto do Facebook pessoal do crítico

Créditos da imagem: Facebook/Reprodução

Filmes

Notícia

Rubens Ewald Filho, renomado crítico de cinema, morre aos 74 anos de idade

Jornalista faleceu em São Paulo, onde estava internado desde maio

Arthur Eloi
19.06.2019
18h21
Atualizada em
19.06.2019
19h21
Atualizada em 19.06.2019 às 19h21

Rubens Ewald Filho, crítico de cinema e jornalista, morreu hoje (19) em São Paulo.

O jornalista estava internado no Hospital Samaritano, em SP, desde o fim de maio, por conta de uma arritmia cardíaca que causou desmaio e queda. Ele tinha 74 anos de idade. A informação foi confirmada pelo Hospital Samaritano ao Omelete.

Considerado um dos maiores críticos cinematográficos do Brasil, Rubens Ewald Filho já teve passagem por renomadas publicações, como o jornal Estadão e a revista VEJA. Além disso, também teve envolvimento em produções cinematográficas, tanto como ator quanto como roteirista - função que exerceu também na TV.

Já na televisão, trabalhou ainda por trás das câmeras em emissoras como a HBO e também na apresentação de programas na TV Cultura, Record, Band e TNT. Desde os anos 80, Ewald Filho comentava as cerimônias do Oscar na Globo, SBT e também na TNT.

Silvia Fu Elias, diretora de sênior de conteúdo, lamentou a morte do crítico em comunicado: "Ele é o maior e mais respeitado crítico de cinema que o Brasil já teve, nos acompanhou nas 15 transmissões do Oscar na TNT. Sentiremos muito a sua falta."