Filmes

Notícia

R. Lee Ermey, ator de Nascido para Matar, morre aos 74 anos de idade

Anúncio foi feito por seu agente e amigo próximo via Twitter

Arthur Eloi
15.04.2018
20h27
Atualizada em
18.04.2018
01h02
Atualizada em 18.04.2018 às 01h02

R. Lee Ermey, conhecido por Nascido para Matar (1987), faleceu nos Estados Unidos. Ele tinha 74 anos de idade.

A informação foi divulgada por Bill Rogin, agente e amigo de longo prazo, via Twitter oficial do ator. A mensagem diz: "É com profunda tristeza que infelizmente informo que R. Lee Ermey morreu durante essa manhã (15) por complicações com pneumonia. Ele será lembrado por todos nós. Semper Fi, Gunny. Que Deus te abençoe."

Fuzileiro da Marinha dos Estados Unidos, o ator utilizou sua experiência real - 14 meses no Vietnã e duas colocações no Japão - para criar uma carreira em papéis militares. Em 1984, Ermey ganhou reconhecimento ao atuar em Marcados pela Guerra, de Sidney J. Furie.

Mas o papel que marcou história veio alguns anos depois: em 1987 estrelou Nascido para Matar, clássico de Stanley Kubrick, onde impressionou como o Sargento General Hartman - parte crucial do primeiro ato do longa que lhe rendeu indicação ao Globo de Ouro e um prêmio da Sociedade dos Críticos de Cinema de Boston.

Desde então, o ator tornou-se referência para papéis militares ou apenas poderosos, contracenando com nomes de peso como Steven SeagalMichael CainWilliem Dafoe e mais, e também atuando em dois remakes de O Massacre da Sérra Elétrica. Em certo ponto, até fez uma espécie de paródia de sua carreira ao dar voz ao Sargento de brinquedo dos filmes de Toy Story.

Recentemente, Ermey se encontrou como dublador: trabalhou em animações do BatmanKung Fu Panda, Bob EsponjaKim Possible e também jogos, como Crash BandicootCall of Duty: Ghosts.

Ele deixa Nila Ermey, sua esposa, e quatro filhos.