Como começar a assistir Quentin Tarantino

Filmes

Lista

Como começar a assistir Quentin Tarantino

Com nove filmes na carreira, diretor já tem vários clássicos na filmografia

Julia Sabbaga
22.04.2020
17h24
Atualizada em
08.03.2021
12h44
Atualizada em 08.03.2021 às 12h44

Quentin Tarantino é um dos grandes cineastas da atualidade, e sua filmografia composta, até hoje, por nove filmes escritos e dirigidos por ele, já conta com obras que viraram clássicos. Mas para quem está começando a entender a carreira do diretor, ou só conhece o Tarantino de nome, é difícil saber exatamente por onde começar. Para ajudar, preparamos um guia com as informações essenciais para entender o que está por trás das obras dele, e por quais títulos começar a assistir sua filmografia:

Quem é Tarantino

Odd Andersen/AFP

Quentin Tarantino é um dos maiores casos de grandes diretores que nunca estudaram cinema formalmente, e nunca chegou a se formar no colegial. Antes dos 20 anos, Tarantino estudou apenas em escolas de teatro, tentando perseguir o sonho de ser ator. No início dos anos 1990, seu roteiro de Cães de Aluguel acabou nas mãos de Harvey Keitel, que gostou da história e decidiu produzir o filme, dando ao diretor a chance de fazer sua grande estreia em um longa-metragem. Exibido no festival de Sundance e aclamado pela crítica e público, o filme abriu portas para que Tarantino escrevesse e produzisse um dos maiores filmes dos anos 1990, Pulp Fiction: Tempo de Violência

Atualmente a filmografia de Tarantino conta com nove filmes escritos e dirigidos por ele, sendo que o último, Era Uma Vez em… Hollywood, foi indicado a 10 Oscars e levou dois, pela performance coadjuvante de Brad Pitt e pelo design de produção. Em sua carreira, Tarantino já ganhou dois Oscars ele mesmo, pelos roteiros de Pulp Fiction e Django Livre. Ele já foi indicado a Melhor Diretor três vezes na carreira (por Pulp Fiction, Django Livre e Bastardos Inglórios), mas não levou a estatueta. Ainda.

Seu estilo e suas influências

Os filmes de Quentin Tarantino tem algumas marcas tradicionais: diálogos cheios de referências a filmes e séries cult, cenas filmadas dentro de carros, narrativas não-lineares ou cheias de retrospectivas e violência gráfica. Mas uma das marcas mais importantes e presentes no trabalho de Tarantino é a quantidade de acenos a diferentes fases e tipos de cinema, principalmente dos anos 1960. Seus filmes sempre refletem o seu amor aos gêneros de blaxploitation, kung fu e principalmente faroeste. 

Alguns dos filmes favoritos de Quentin Tarantino - como Três Homens em Conflito, de Sergio Leone, Jovens, Loucos e Rebeldes, de Richard Linklater, ou Taxi Driver, de Martin Scorsese - ajudam a entender exatamente de onde veio o estilo do diretor. Mas do isso, alguns de seus filmes são inspirados diretamente de outros: Jackie Brown (1997) é uma homenagem direta à Foxy Brown, de 1974, e Kill Bill remete fortemente ao longa japonês de 1973 Lady Snowblood.

3 filmes para começar a ver Tarantino

A filmografia de Tarantino é relativamente fácil para quem quer começar, principalmente porque é composta por nove filmes, e quem quiser maratonar não tem um grande desafio pela frente. Mas se você tem pouco tempo para conhecer o diretor, o melhor jeito é começar por três longas de diferentes fases, que exemplificam diversos elementos da sua carreira. 

  • Pulp Fiction: Tempo de Violência

Cães de Aluguel é o primeiro sucesso de Tarantino, mas foi a popularidade de Pulp Fiction que fez do diretor quem ele é hoje. Já mantendo a tradição de reunir um elenco impressionante de atores de Hollywood (com nomes como Bruce Willis, John Travolta e Samuel L. Jackson), Pulp Fiction traz o amor por referências, a narrativa não-linear, a violência gráfica e uma ótima dose do humor ácido que também é característico dele. Indicado a sete Oscars e considerado um dos maiores clássicos do cinema, Pulp Fiction é absolutamente indispensável para quem quer conhecer Quentin Tarantino. Pelo longa, o diretor levou a estatueta de Melhor Roteiro.

Onde assistir? Disponível para streaming na Netflix, Prime Video e Telecine Play.

A sequência recomendada é investir algumas horas nas duas partes de Kill Bill, um longa de artes marciais, no qual Tarantino explorou seu estilo de filmagem principalmente em sequências de luta, mas também não economizou naqueles diálogos cheio de referências à cultura pop. Com Uma Thurman no papel principal, Kill Bill tem direito à homenagens a filmes de blaxpoitation, spaghetti westerns e até uma sequência em anime. 

Onde assistir? Disponível para streaming no Prime Video e Telecine Play.

Para completar, Bastardos Inglórios marcou o início de uma nova marca registrada de Tarantino, que essencialmente se refere à liberdade poética de reinventar fatos históricos. Novamente com um elenco estelar, Tarantino aperfeiçoou sua linguagem faroeste e investiu toda sua capacidade de retratar violência em um contexto da Segunda Guerra Mundial, o que lhe rendeu oito indicações ao Oscar e seu filme mais lucrativo até então. Com Christoph Waltz levando a estatueta por atuação coadjuvante, este também foi o primeiro filme de Tarantino que rendeu um Oscar a um membro do elenco.

Onde assistir? Disponível para streaming no Prime Video Telecine Play.

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados para as finalidades ali constantes.