The Rock em Jumanji: Bem-Vindo à Selva

Créditos da imagem: Jumanji: Bem-Vindo à Selva/Sony Pictures/Reprodução

Filmes

Lista

8 produções que provam que The Rock é um dos grandes astros de Hollywood hoje

Embora seja lembrado pelos seus músculos, o ator se mostrou versátil nos últimos anos protagonizando não só filmes de ação, mas também comédias e longas para família

Mariana Canhisares
15.01.2020
17h38

Para ser considerado um verdadeiro astro de Hollywood, é preciso ter carisma, talento e uma forte base de fãs, que o acompanhará nas mais diversas produções. The Rock se encaixa facilmente nesta descrição. Embora esteja presente na TV e no cinema desde o final dos anos 1990 e início dos anos 2000 - quem lembra de O Escorpião Rei? -, nos últimos anos o ator realmente expandiu seu domínio na indústria, protagonizando longas dos mais diversos gêneros e se firmando como um dos grandes nomes da atualidade.

Duvida? Confira a seguir 8 produções que provam que The Rock é uma das grandes estrelas de Hollywood hoje:

FRANQUIA VELOZES E FURIOSOS (2011 - HOJE)

Impossível falar sobre The Rock sem mencionar Hobbs, o agente do Serviço de Segurança Diplomática dos Estados Unidos que eventualmente se torna um aliado de Dominic Toretto e Brian O'Conner em Velozes e Furiosos. Apresentado no quinto filme como o líder da operação que pretendia prender a dupla de protagonistas, The Rock se tornou um dos grandes destaques da produção, ganhando cada vez mais espaço na franquia ao longo dos anos. Em 2019, o ator protagonizou seu próprio derivado ao lado de Jason Statham e se mostrou interessado em expandir ainda mais o universo dos filmes.

Fora de Velozes e Furiosos 9, a expectativa é que no décimo filme da franquia o ator volte a contracenar com Diesel. Afinal, em 2016, os dois se desentenderam e apenas no ano passado deram os primeiros sinais de trégua. Até lá, dá para reassistir todos os filmes. Só uma dica.

UM ESPIÃO E MEIO (2016)

The Rock se dá muito bem nas comédias e sua parceria com Kevin Hart é prova disso. Juntos, eles são engraçados só de bater o olho: enquanto Dwayne Johnson tem 1,96 m e é musculoso, o comediante mede 1,63 m e, bem, não é nem de perto tão forte quanto seu amigo. Mas, mais do que o contraste físico, é inegável que a dupla tem química. O longa que deixa isso claro é Um Espião e Meio, lançado em 2016.

Nele, Johnson e Hart vivem dois colegas de escola que se reencontram anos depois da formatura. Enquanto um deles superou o bullying e se tornou um habilidoso espião, o outro, que fora um jovem popular de futuro promissor, se tornou um tedioso contador. Para a surpresa de todos, porém, essa inocente reunião entre colegas se transforma em um mergulho no universo da espionagem internacional.

A colaboração entre eles é tão bem-sucedida que ela tem se repetido desde então, como no novo Jumanji e até em Hobbs & Shaw.

MOANA: UM MAR DE AVENTURAS (2016)

A versatilidade de The Rock estende seu apelo também para o público infantil. Você certamente se lembra de tê-lo visto em filmes como Treinando o Papai, A Montanha Enfeitiçada, O Fada do Dente e Viagem 2: A Ilha Misteriosa. No entanto, nenhum deles teve tanto impacto quanto seu papel em Moana. O carismático Maui, o semideus que acompanha a protagonista na sua jornada para salvar sua ilha, conquistou o coração de adultos e crianças - e, convenhamos, "You're Welcome" não seria a mesma sem ele.

BAYWATCH: S.O.S. MALIBU (2017)

Ainda explorando sua veia cômica, The Rock também se destacou nos filmes de besteirol. Baywatch é um belo exemplo do êxito do ator neste gênero. Além de entregar o humor desbocado e sem pudor com segurança, ele tem bastante química com Zac Efron e dá o tom épico - ou, mesmo, brega - que as cenas de ação pedem.  Assim, a produção baseada na série do final dos anos 1980 está na medida certa para quem procura as famosas comédias de fim de noite.

JUMANJI: BEM-VINDO À SELVA (2017)

Apesar de divertido, Baywatch não foi lá muito bem de bilheteria, arrecadando apenas US$ 177,8 milhões ao redor do mundo. Ainda em 2017, porém, The Rock resgatou outra franquia famosa e nessa sim foi muito bem-sucedido. Atuando como produtor executivo e reunindo um elenco chamativo, que incluía Jack Black e Karen Gillan, além do seu bom amigo Kevin Hart, o astro criou uma versão atualizada e carismática da aventura dos anos 1990, Jumanji. O novo filme fez US$ 962,1 milhões, fãs em toda a parte e, obviamente, garantiu uma sequência, que chega aos cinemas nesta quinta-feira (16).

Em outras palavras, Jumanji: Bem-Vindo à Selva é a prova que The Rock tem o impacto e a determinação dos grandes ídolos para liderar uma franquia. E, ao que tudo indica, o ator deve expandir esse seu domínio para outras propriedades conhecidas na indústria, dessa vez na Disney e na DC (saiba mais nos itens bônus).

ARRANHA-CÉU: CORAGEM SEM LIMITE (2018)

Sim, chegou a hora de falar o óbvio: The Rock é um baita astro para blockbusters de ação. Nos últimos anos, ele tem protagonizado filmes grandiosos, repletos de sequências mirabolantes, explosões e efeitos especiais. Apenas em 2018 foram dois: Rampage: Destruição Total e Arranha-Céu: Coragem Sem Limite, sendo este último o melhor dos dois.

Em Arranha-Céu, Johnson cria sua versão de Duro de Matar, praticamente. A trama acompanha as consequências do incêndio do maior arranha-céu do mundo. The Rock interpreta um veterano de guerra e ex-agente do FBI que fará de tudo para salvar sua família, que está presa no topo do edifício.

BALLERS (2015 - 2019)

Nem só de cinema vive Dwayne “The Rock” Johnson. Por cinco anos, ele, Rob Corddry e John David Washington estrelaram Ballers, série da HBO que explorava os bastidores da luxuosa vida dos atletas da NFL e seus agentes. O ator chegou, inclusive, a fazer a produção executiva de 13 dos 47 episódios. O seriado chegou ao final no ano passado, mas conquistou uma base sólida de fãs e é um dos grandes destaques da carreira recente do The Rock.

LUTANDO PELA FAMÍLIA (2019)

Como todo bom astro, The Rock mostra sua relevância na indústria através da sua coleção de participações divertidas em séries e filmes. E não é de hoje não: ele já deu as caras em That '70s Show e até em Hannah Montana. Recentemente, ele fez uma ponta na divertida comédia Lutando Pela Família, escrita e dirigida por Stephen Merchant. Interpretando a si mesmo, ele atua como uma espécie de mentor da protagonista Saraya (Florence Pugh), uma aspirante a lutadora de WWE.

Vale lembrar que, antes de ir para as telonas, The Rock fez carreira como lutador profissional, seguindo os passos do seu avô Peter Maivia e seu pai Rocky Johnson - inclusive, é dos ringues que vem seu apelido. Logo, este é um filme que conversa muito com a própria trajetória do astro. Imperdível.

BÔNUS: JUNGLE CRUISE (2020)

Na sua trajetória de expansão em Hollywood, The Rock protagonizará a nova aposta da Disney, Jungle Cruise. Assim como Piratas do Caribe, este longa é baseado em uma das atrações mais antigas dos parques da Disney, na qual o público viaja a bordo de um barco pitoresco por uma selva povoada com animais exóticos. A expectativa é que esta seja a mais nova grande aventura do ator nos cinemas.

BÔNUS: ADÃO NEGRO (2021)

Montagem do Omelete

Em breve, The Rock terá uma franquia de herói para chamar de sua. O ator protagonizará Adão Negro, o filme solo do grande inimigo do Shazam! que tem estreia prevista para 2021. Nos quadrinhos, o poderoso vilão usou suas habilidades para vingar o povo de Kahndaq de seus tirânicos governantes. Segundo o próprio Johnson, o personagem chegará aos cinemas como uma espécie de anti-herói e, segundo rumores, a produção pode apresentar a Sociedade da Justiça, uma tradicional equipe das HQs da DC.

Vale notar, porém, que seu envolvimento com o universo dos quadrinhos não se restringe ao desenvolvimento desse filme. Afinal, The Rock atuou como produtor executivo de Shazam!, de 2019.