Filmes

Notícia

Philip Seymour Hoffman teria morrido de overdose, diz jornal [ATUALIZADO]

Ator lutava contra o vício em heroína depois de recaída em 2012

Marcelo Hessel
03.02.2014, às 08H48
ATUALIZADA EM 01.11.2016, ÀS 16H39
ATUALIZADA EM 01.11.2016, ÀS 16H39

O ator Philip Seymour Hoffman, de 46 anos, foi encontrado morto no banheiro do seu apartamento em Manhattan neste domingo.

No Omelete Hyperdrive, prestamos uma homenagem ao ator:

Phillip Seymour Hoffman

None

[Atualizado] A família do ator soltou um comunicado: "Nós ficamos devastados com a perda do nosso amado Phil e apreciamos a quantidade de apoio e amor que temos recebido de todos. Foi uma perda trágica e repentina e pedimos que as pessoas respeitem nossa privacidade neste momento de luto. Por favor, mantenham Phil nos seus pensamentos e nas suas orações". Hoffman tinha três filhos com a figurinista Mimi O'Donnell. [Atualizado]

[Atualizado] A Lionsgate soltou um comunicado sobre a morte do ator, que interpretava Plutarch Heavensbee nos filmes da franquia Jogos Vorazes. Segundo o estúdio, Hoffman já havia concluído a primeira parte de A Esperança e tinha mais nove dias de filmagem marcados para encerrar sua participação na Parte 2. Não há informação sobre como a Lionsgate adaptará a trama para cobrir as cenas que faltaram, porém, o estúdio garante que manterá as datas de lançamento para 21 de novembro de 2014  e 20 de novembro de 2015. “Philip Seymour Hoffman era um talento único e um dos atores mais talentosos da nossa geração. Somos muito gratos por ele ter se juntado a família Jogos Vorazes. Perdê-lo no seu auge é uma tragédia e enviamos nossas profundas condolências a família de Philip", diz o comunicado.[Atualizado]

Ainda não há informações conclusivas, mas o NY Post diz, de acordo com depoimentos de policiais, que uma seringa foi encontrada no local e o motivo seria overdose. Ao BuzzFeed, a polícia de Nova York confirmou que investiga um óbito ocorrido no número 35 da Bethune Street, onde Hoffman mora no Greenwich Village, e o TMZ confirma que a polícia ainda faz a investigação no apartamento do ator.

O ator publicamente assumiu no passado que passou por problemas com drogas e, em maio de 2013, internou-se numa clínica de reabilitação para tratar um vício em heroína, depois de ter uma recaída em 2012. Hoffman havia passado 23 anos sem usar a droga. Ele se preparava para rodar seu segundo filme como diretor, Ezekiel Moss, com Jake Gyllenhaal e Amy Adams.

 

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados e cookies para as finalidades ali constantes.