CADE aprova compra da Fox pela Disney

Filmes

Notícia

CADE aprova compra da Fox pela Disney

Fontes do Deadline indicam que resolução será alcançada em breve

Arthur Eloi
27.02.2019
10h34
Atualizada em
27.02.2019
18h45
Atualizada em 27.02.2019 às 18h45

[ATUALIZAÇÃO] O CADE aprovou hoje (27) a fusão da Disney e a Fox. Contudo, ficou decidido que o canal Fox Sports deverá ser vendido. Segundo o UOL, quem comprar levará os equipamentos e os contratos com 11 ligas esportivas que o canal detém.

Para evitar o monopólio, a Disney não poderá participar da rodada de contratações das ligas da Fox Sports e, também, não poderá contratar os funcionários do antigo canal [FIM DA ATUALIZAÇÃO].

Parece que o CADE (Conselho Admnistrativo de Defesa Econômica) aprovará a compra da 21ist Century Fox pela Disney logo na metade de março. Fontes do Deadline afirma que as negociações estão prestes a serem concluídas no Brasil e no México.

Anteriormente, o país havia segurado a transação por conta de uma preocupação do CADE envolvendo os canais esportivos, já que a Disney passaria a possuir tanto a ESPN quanto a Fox Sports, deixando apenas o SporTV (do grupo Globosat) como concorrente. Para agilizar as negociações, o presidente da Disney Bob Iger veio ao Brasil - mas voltou para os EUA sem uma resposta definitiva.

Agora, parece que o impasse será positivamente resolvido em breve, com fontes do Deadline afirmando que a Disney "aceitou as concessões pedidas pelo CADE", mas sem especificar se a empresa decidiu unir os canais esportivos em uma única emissora ou então vendê-las para outras companhias. Segundo a Bloomberg, a situação deve ser resolvida da mesma forma que no México, onde a Disney optou pela venda dos canais.

Enquanto nenhuma data foi divulgada, o Valor anteriormente afirmou que o prazo para o parecer final está marcado para 17 de março.

No fim de 2017 a The Walt Disney Company anuncio a compra de algumas divisões da 21st Century Fox. No comunicado oficial, as empresas confirmam que o acordo inclui a Twentieth Century Fox FilmFox Searchlight PicturesFox 2000, os estúdios de TV, junto com os negócios internacionais de TV a cabo. A Disney afirma no texto que a compra possibilitará a criação de mais conteúdos, possivelmente para seu serviço de streaming, que tem lançamento previsto para este ano - leia mais.

Fique ligado no Omelete para todos os desdobramentos futuros!