Kevin Spacey

Créditos da imagem: Divulgação/Netflix

Filmes

Notícia

Kevin Spacey é acusado de assédio sexual mais uma vez

Ator será indiciado no dia 07 de janeiro de 2019

Fábio de Souza Gomes
24.12.2018
18h00
Atualizada em
24.12.2018
18h20
Atualizada em 24.12.2018 às 18h20

Kevin Spacey foi acusado mais uma vez de assédio sexual. Segundo a Variety, o ator será indiciado pelo suposto crime no dia 07 de janeiro de 2019 e o incidente teria acontecido em um bar em Nantucket em julho de 2016. A vítima seria o filho de uma apresentadora de Boston que, na época, teria 18 anos.

Ano passado, a apresentadora de televisão Heather Unruh acusou Spacey de abusar de seu filho em um bar. Ela diz que o ator comprou diversas bebidas ao jovem de 18 anos (que teria dito ter 21 – idade legal para ingerir bebidas alcoólicas nos EUA) e depois de diversos drinks colocou a mão dentro da calça de seu filho e agarrou suas genitais.

Os advogados de Spacey ainda não se pronunciaram.

Nesta segunda-feira (24), Spacey reapareceu em um vídeo que faz referência direta a sua antiga série, House of Cards. Intitulado “Let me be Frank” (referência a Frank Underwood, seu personagem), o monólogo de três minutos parece falar das acusações envolvendo sua vida pessoal ao mesmo tempo que fala sobre o final do programa – leia mais.

primeira denúncia de assédio contra Kevin Spacey partiu justamente de Anthony Rapp, em outubro de 2017, sobre um evento ocorrrido quando ele tinha 14 anos. Na ocasião, o ator se desculpou e se declarou gay. Porém, desde então, novas denúncias surgiram, incluindo também oito membros da produção de House of Cards. Em meio à repercussão dos casos, o Emmy cancelou uma homenagem que preparava para o ator e a produção da sexta temporada de House of Cards chegou a ser suspensa, enquanto a Netflix investigava as denúncias. Spacey foi então demitido do serviço de streaming, além de ser substituído no em Todo o Dinheiro do Mundo