Filmes

Notícia

Kate Winslet: Titanic, Mare of Easttown e uma carreira "inafundável"

No Retrato Omelete, falamos de uma das maiores atrizes que Hollywood já teve

Julia Sabbaga
13.09.2021
14h10

Kate Winslet é o sinônimo de uma carreira brilhante e sua chegada ao sucesso internacional com Titanic ao lado de Leonardo DiCaprio é apenas um dos lampejos frente a um currículo invejável. Com narração da Carol Costa, o Retrato Omelete de hoje fala da ganhadora do Oscar como Melhor Atriz, da jovem inglesa humilde que recentemente brilhou em Mare of Easttown.

Uma das maiores estrelas de sua geração, indicada ao Oscar por 7 vezes, Winslet tem a dramaturgia no sangue — seus avós maternos eram atores e foram os fundadores de um dos principais teatros de Reading, cidade da Inglaterra onde Kate nasceu. Na Escola de Teatro Redroofs, Winslet foi eleita a líder do seu grupo de teatro, atuando em peças de peso, como Alice no País das Maravilhas e Peter Pan.

Em 91, Winslet fez a sua estreia na televisão britânica: era a vez de uma minissérie chamada Shrinks e a ficção científica Dark Season. Nos cinemas, em sua terceira aparição, Kate Winslet chamou a atenção da crítica e conquistou o público com a sua performance em Razão e Sensibilidade, atuando ao lado de grandes nomes de Hollywood como Emma Thompson, Hugh Grant e o diretor Ang Lee.

Em 97, com o estouro Titanic mundo afora, o longa de James Cameron, estrelado por Leonardo DiCaprio e Kate Winslet (Jack e Rose, respectivamente), catapultou a carreira da atriz aos quatro cantos do planeta. Mas engana-se quem pensa que se tornar a Rose de Titanic foi fácil. Na fase de pré-produção, o diretor tinha uma opinião muito diferente e chegou a oferecer o papel para outras jovens atrizes, incluindo Gwyneth Paltrow, Gabrielle Anwar, Reese Witherspoon e Winona Ryder.

Anos depois, nos anos 2000, Kate já havia mais do que consolidado a sua carreira de atriz em Hollywood, tendo inclusive recebido sua terceira indicação ao Oscar por sua performance em Iris. Na sequência, viria o longa Brilho Eterno de uma Mente Sem Lembranças, ao lado do ator Jim Carrey. Mais alguns anos, e o currículo de Kate se expandiu para o terror pós-apocalíptico Contágio e a comédia que faz "rir e pensar" de Roman Polanski, chamada Deus da Carnificina.

De lá pra cá, além de acumular mais uma indicação ao Oscar por interpretar Joanna Hoffman no drama biográfico sobre a vida de Steve Jobs, Kate nos surpreendeu em Ammonite e estreou também na era dos streamings (além de estar em Avatar 2, dirigido por Cameron). Sua recente e brilhante atuação na série original da HBO, Mare of Easttown, rendeu à atriz a indicação ao Emmy deste ano. Assista agora mesmo ao Retrato de Kate Winslet, curta o vídeo, compartilhe o link, inscreva-se no canal e comente contando qual de seus filmes é o seu favorito!

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados para as finalidades ali constantes.