Fusão da AT&T e Time Warner é aprovada e Comcast deve fazer nova oferta para a Fox amanhã (13)

Créditos da imagem: ATT&T/Divulgação

Filmes

Notícia

Fusão da AT&T e Time Warner é aprovada e Comcast deve fazer nova oferta para a Fox amanhã (13)

Empresta estava esperando decisão do juiz para prosseguir

Arthur Eloi
12.06.2018
20h38
Atualizada em
14.06.2018
14h32
Atualizada em 14.06.2018 às 14h32

A fusão entre a ATT&T e a Time Warner foi aprovada pelo juiz Richard Leon hoje (12) nos Estados Unidos. A informação é da Variety, que reporta que a decisão de autorizar o acordo de US$85,4 bilhões foi firme e incisiva.

Assim, a Comcast deve anunciar amanhã (13) uma nova proposta de compra para a 21st Century Fox: a empresa afirmou anteriormente que faria uma nova oferta um dia após a decisão do Departamento de Justiça para dar tem aos seus advogados de analisar os detalhes do processo. Os executivos do estúdio também acreditam que, assim, colocarão pressão nas ações da Disney. Se isso de fato acontecer e as ações da sua concorrente caírem, a diferença entre as ofertas da Disney e da Comcast se acentuariam, segundo uma das fontes da CNBC.

The Walt Disney Company anunciou em dezembro a compra de algumas divisões da 21st Century Fox. No comunicado oficial, as empresas confirmam que o acordo inclui a Twentieth Century Fox FilmFox Searchlight PicturesFox 2000, os estúdios de TV, junto com os negócios internacionais de TV a cabo. O valor aproximado da negociação é de US$ 52,4 bilhões. A Disney afirma no texto que a compra possibilitará a criação de mais conteúdos, possivelmente para seu serviço de streaming, que tem lançamento previsto para 2019 - leia mais.

21st Century Fox marcou para o dia 10 de julho uma reunião com seus acionistas para que possam votar se devem ou não proceder com o acordo com a Disney. Essa decisão foi tomada após a Comcast confirmar que está disposta a fazer nova oferta pelos ativos da Fox. Diante dessa ameaça, a Disney revelou que prepara uma contraproposta, caso a Fox exija mais dinheiro.

Fique ligado no Omelete para saber novidades sobre a negociação.