Filmes

Artigo

DVD: <i>Trilogia Star Wars</i>

DVD: <i>Trilogia Star Wars</i>

Érico Borgo
08.09.2004
00h00
Atualizada em
03.11.2016
14h04
Atualizada em 03.11.2016 às 14h04
Star Wars Trilogia - 4 DVDs
5 ovos

Uma nova esperança

O Império Contra-Ataca

O retorno de Jedi

Imagens © Lucasfilm Ltd.

Desde que os primeiros títulos em DVD começaram a aparecer no mercado, a grande dúvida dos fãs era saber quando a trilogia clássica de Star Wars seria lançada no formato. Demorou, mas a Lucasfilm e a Fox finalmente colocaram à venda mundialmente os três aguardados filmes no dia 21 de setembro de 2004.

Além dos três filmes em widescreen restaurados e remasterizados digitalmente (leia aqui sobre as mudanças) - Star Wars: Episódio IV - Uma Nova Esperança (de George Lucas, 1977, 125 min), Star Wars: Episódio V - O Império Contra-Ataca (de Irvin Kershner, 1980, 135 min) e Star Wars: Episódio VI - O Retorno de Jedi (de Richard Marquand, 1983, 130 min) -, a caixa tem um quarto DVD, composto somente de extras.

A convite da distribuidora no Brasil, o Omelete assistiu à maior das atrações do lançamento (depois dos filmes, é claro): o documentário Império dos Sonhos - A história da trilogia Star Wars.

O longa-metragem - completo, com mais de 40 depoimentos! - tem duas horas e meia de duração, nas quais é retratada a evolução da saga de George Lucas, bem como o crescimento de suas empresas. A idéia para uma ópera espacial acompanhava o cineasta desde os tempos de faculdade, quando chamou a atenção de seus professores com o curta-metragem de ficção científica THX 1138, influenciado por romances como Admirável Mundo Novo, de Aldous Huxley, e 1984, de George Orwell. Ao terminar os estudos, o californiano, nascido na cidade de Modesto, transformou sua experiência estudantil em um longa-metragem. O filme, lançado em 1971, trazia Robert Duvall e Donald Pleasence nos papéis principais e abriu caminho para American graffiti, comédia ambientada na década de 1950 de grande sucesso comercial.

Foi com esses dois primeiros filmes que Lucas percebeu como seria difícil trabalhar em Hollywood, mercado controlado por produtores que não têm qualquer escrúpulo em picotar um filme acabado se acharem que a visão artística do cineasta não tem apelo comercial suficiente. Independente disso, o criador começou a trabalhar em seu mais ousado projeto: Star Wars, a tão desejada ópera espacial inspirada nos seriados cinematográficos de Flash Gordon e Buck Rogers.

Era um roteiro imenso, com cerca de 200 páginas, e acabei me perdendo na história [que contou com a colaboração do historiador Joseph Campbell (leia mais sobre isso aqui)]. Assim, a minha única saída foi cortá-lo em três pedaços e realizar apenas o primeiro ato. Mas eu não tinha intenção de jogar fora os oito meses que eu havia passado trabalhando nessa história. A solução foi colocar o restante da história na prateleira e jurar que, de uma forma ou de outra, eu terminaria esse filme, revela Lucas no documentário.

Claro que vender o projeto de Star Wars não foi nada fácil. A idéia do filme era completamente equivocada para uma época em que filmes de guerra estavam em baixa, a ficção científica era considerada o pior gênero do momento e filmes para crianças - que seriam o principal público de Star Wars - não despertavam qualquer interesse nos executivos de Hollywood. De cara, a Universal e a Warner recusaram o filme, assim como a Fox teria feito, não fosse a intervenção de Alan Ladd Jr., chefe de recursos criativos da empresa, que apaixonou-se pela visão de Lucas (devidamente ilustrada pelas artes conceituais de John Barry) e convenceu a diretoria do estúdio a investir no filme. Os termos do acordo fizeram história: Lucas ficou com os direitos para uma seqüência (que ninguém acreditava que aconteceria) e também garantiu a propriedade de todo o merchandising que poderia ser derivado de sua criação.

Com 8 milhões de dólares em mãos, Lucas começou o hercúleo trabalho de inventar o que não tinha condições de ser inventado. Com a crise dos filmes de ficção científica, todos os estúdios de efeitos especiais tinham falido e os departamentos das grandes empresas haviam sido fechados. Sem ter para quem apelar, o cineasta reuniu um time de talentos e criou seu próprio estúdio: a ILM - Industrial Light And Magic, hoje sinônimo de inacreditáveis efeitos visuais. E esse era apenas o menor dos problemas do diretor. O elenco de desconhecidos - Mark Hamill (Luke Starkiller, cujo nome mais tarde foi trocado para Skywalker), Carrie Fisher (Princesa Leia) e Harrison Ford (o pirata espacial Han Solo) - não agradou a Fox, que exigia nomes mais famosos para o trio de protagonistas. Para acalmá-los, Lucas trouxe Alec Guiness como o mestre Jedi Obi-Wan Kenobi e Peter Cushing como Grand Moff Tarkin, o administrador da Estrela da Morte.

Com o elenco finalmente aprovado, Lucas foi para a Tunísia, onde enfrentou verdadeiros desastres. Tempestades de areia, atrasos nas filmagens, calor insuportável e cenários e figurinos que não funcionavam direito colaboraram para o estouro do orçamento e a ameaça iminente da Fox de cancelar toda a produção. Também não ajudava o fato de boa parte da equipe achar tudo aquilo que estava sendo rodado totalmente ridículo. Afinal... que tipo de filme tinha um cachorro gigante como personagem principal? Pra completar, a ILM estava atrasada meses no cronograma dos efeitos e nada do que produziam era realmente bom. Eu sentia que estava metido numa enrascada e não fazia a menor idéia de como sair dela, afirma Lucas no filme.

Felizmente, a dedicação do diretor e de sua equipe acabaram fazendo com que os efeitos, a montagem e os sons caminhassem para o lançamento na segunda data prevista (a primeira já havia sido adiada há muito tempo pela Fox). Com o filme prestes a ser terminado, Lucas entregou as filmagens para o consagradíssimo compositor John Williams, que entregou o único elemento do filme que superou as expectativas do cineasta: a trilha sonora.

Finalmente, no dia 25 de maio de 1977, Star Wars (ainda sem o subtítulo Uma nova esperança) entrou em cartaz em apenas 32 cinemas nos Estados Unidos. Apesar de todas as análises pessimistas, o resultado foi estrondoso. Todas as salas tiveram recordes de público, apesar da Fox não ter feito grandes investimentos em publicidade para o filme. A inteligente divulgação de Star Wars foi gerada pela própria Lucasfilm, que conseguiu convencer a editora Del Rey a lançar uma novelização oficial do filme quase seis meses antes de seu lançamento. O livro vendeu impressionantes 500 mil cópias, que criaram grande expectativa entre os compradores para o filme. Foi a empresa de Lucas que também teve a idéia de mostrar uma prévia da aventura espacial na Comic-Con San Diego, a convenção de quadrinhos que se tornaria uma das maiores do planeta anos mais tarde.

Em apenas cinco semanas, Star Wars recuperou o investimento inicial, abrindo caminho para as duas continuações e garantindo 10 indicações ao Oscar 1978. Fiquei completamente chocado, lembra Lucas. Aliviado, ele pôde começar a preparar os outros dois filme de sua saga, agora totalmente financiados por um banco, sem qualquer intervenção do estúdio. Pela primeira vez, George Lucas tinha total controle sobre a sua criação.

O documentário Império dos sonhos segue ainda mais longe. Mostra todo o conturbado processo de filmagens de O império contra-ataca - quase tão difícil quanto o do primeiro filme - e a conclusão da aventura em A vingança do Jedi - rebatizado para O retorno de Jedi às vésperas de sua estréia nos cinema. O longa-metragem também estabelece paralelos entre o momento histórico cultural nos Estados Unidos e o fenômeno de Star Wars e mostra o processo de restauração quadro a quadro dos três filmes, realizado para a celebração dos 20 anos da saga.

Coroando esses quase 30 anos de aventura, o DVD da Trilogia Star Wars traz ainda os seguintes extras:

  • Episódio III Preview dos Bastidores: O Retorno de Darth Vader - Nessa prévia exclusiva, George Lucas discute a transformação de Anakin Skywalker, enquanto os espectadores têm a chance de observar pela primeira vez o novo figurino de Darth Vader forjado para Episódio III, e verão como Hayden Christensen e Ewan McGregor se prepararam para a aguardadíssima batalha de sabres de luz entre Anakin e Obi-Wan Kenobi, esperada há mais de duas décadas.
  • O Nascimento do Sabre de Luz - Os fãs terão a oportunidade de descobrir as origens da elegante arma de uma era mais civilizada. Esse documentário, dedicado ao sabre de luz relata os pensamentos de George Lucas, elenco e bastidores sobre a história da arma dos Jedi, incluindo a origem dos truques da arma e seus efeitos especiais.
  • Os Personagens de Star Wars - Um olhar profundo sobre como os personagens da saga nasceram, incluindo raros conceitos de arte, bastidores e entrevistas com George Lucas, elenco e equipe que criaram Luke Skywalker, Princesa Leia, Han Solo, Chewbacca, R2-D2 e C-3PO - além do maior de todos os vilões: Darth Vader.
  • A Força Está Com Eles: O Legado de Star Wars - Star Wars abriu um espaço de possibilidades para uma geração de produtores de filmes e novos talentos. Esse documentário mostrará como a trilogia influenciou a carreira de grandes produtores da história.
  • Star Wars Battlefront - Trailer - Trailer com imagens do videogame para usuários de Xbox, que poderão lutar na Batalha de Endor como rebelde ou soldado imperial, além de dirigir AT-STs, montar nas speed bikes e utilizar diversas armas para levar sua equipe à vitória.
  • Star Wars: Episódio III - prévia do game - A prévia mostra como criadores de games da LucasArts trabalharam nos bastidores e nos cenários para dar vida ao novo jogo da série, que será lançado em 2005 para PlayStation 2 e Xbox.
  • Trailers Originais e Spots de TV - O teaser original, trailers de cada filme, além de spots de TV.
  • Galeria de Produção - Os arquivos da Lucasfilm, com exclusivas fotos do making of da trilogia.
  • Campanha Impressa - Uma coleção de pôsteres de todo o mundo.
  • Exclusivo Conteúdo em DVD-ROM - Conteúdos exclusivos disponíveis apenas através de um site DVD-ROM.

Todos os filmes têm áudio em Inglês 5.1 EX, Português e Espanhol 2.0 Surround, com comentários de George Lucas e do elenco e equipe, incluindo o diretor Irvin Kershner (de O Império Contra-Ataca), Carrie Fisher (a Princesa Leia), Ben Burtt (Designer de som) e Dennis Muren, da Industrial Light & Magic. Confira abaixo as sinopses oficiais dos três filmes:

Star Wars: Uma Nova Esperança

Os Cavaleiros Jedi foram exterminados e o Império comanda a galáxia com punho de aço. Um pequeno grupo de Rebeldes ousou desafiar a potência roubando os planos secretos da mais poderosa arma do Império, a Estrela da Morte. O servo de maior confiança do Imperador, Darth Vader, precisa encontrar os planos e localizar o esconderijo dos Rebeldes. A líder dos Rebeldes aprisionada, Princesa Leia, envia um pedido de socorro que é interceptado por um simples fazendeiro, Luke Skywalker. Seguindo seu destino, Luke aceita o desafio de resgatar a princesa e ajudar a Rebelião a enfrentar o Império, contando com alguns aliados insquecíveis como o sábio Obi-Wan Kenobi, o presunçoso Han Solo, o fiel Chewbacca e os dróides R2-D2 e C-3PO.

(Star Wars: A New Hope) EUA, 1977. Direção: George Lucas. Elenco: Mark Hamill, Anthony Daniels, Harrison Ford, Carrie Fisher, Peter Cushing, Alec Guinness, Kenny Baker, Peter Mayhew, David Prowse, Phil Brown. Duração: 125 min.

Star Wars: O Império Contra-Ataca

É um tempo difícil para a Rebelião. Após um ataque devastador à sua base no planeta gelado de Hoth, os Rebeldes se desagregam para fugir à perseguição imperial. Luke Skywalker procura o misterioso Mestre Jedi Yoda nos pântanos de Dagobah, enquanto Han Solo e a Princesa Leia conseguem escapar da frota imperial indo para a bela Cidade das Nuvens de Bespin. Em uma tentativa de converter Luke ao lado negro da Força, Darth Vader atrai o jovem Skywalker a uma armadilha. Em meio a um violento duelo de sabres de luz contra o Lorde Sith, Luke descobre a angustiante verdade sobre a herança dos Skywalkers.







(The Empire Strikes Back) EUA, 1980. Direção: Irvin Kershner. Elenco: Mark Hamill, Harrison Ford, Carrie Fisher, James Earl Jones, David Prowse, Billy Dee Williams, Anthony Daniels, Peter Mayhew, Frank Oz, Alec Guinness, Kenny Baker. Duração: 129 min.

Star Wars: O Retorno de Jedi

No espetacular capítulo final da saga, Luke Skywalker e a Princesa Leia precisam viajar a Tatooine para libertar Han Solo, e para tanto precisam se infiltrar na gangue de Jabba, the Hutt, o gangster mais desprezível da galáxia. Juntos novamente, os Rebeldes aliam-se às tribos dos Ewoks para combater as forças imperiais na lua florestal de Endor. Enquanto isso, o Imperador e Darth Vader conspiram sobre como atrair Luke para o lado negro, e o jovem Skywalker está disposto a reviver o espírito Jedi em seu pai. A Guerra Civil Galática prepara-se para o confronto final, quando as Forças Rebeldes se unem para atacar a segunda Estrela da Morte, aparentemente indefesa e incompleta, na batalha que determinará o destino da galáxia.

(The Return of the Jedi) EUA, 1983. Direção: Richard Marquand. Elenco: Mark Hamill, Harrison Ford, Carrie Fisher, Billy Dee Williams, Anthony Daniels, Peter Mayhew, Ian McDiarmid, David Prowse, James Earl Jones [Voz], Alec Guinness. Duração: 136 min.

Clique aqui para comprar o DVD Star Wars







Outros artigos sobre Star Wars