Disney+ e Globoplay vão oferecer assinatura conjunta no Brasil

Créditos da imagem: Divulgação/Disney+;Divulgação/Globoplay

Filmes

Notícia

Disney+ e Globoplay vão oferecer assinatura conjunta no Brasil

Pacote único que une serviços de streaming no país custará a partir de R$ 43,90

Gabriel Avila
03.11.2020
15h53
Atualizada em
03.11.2020
18h30
Atualizada em 03.11.2020 às 18h30

O Disney+ e o Globoplay anunciaram um acordo para oferecer um combo de assinaturas no Brasil. O pacote que dá direito aos dois serviços de streaming custará a partir de R$ 43,90 por mês.

Para assinar o combo, que começa a ser vendido no dia 17 de novembro, data em que o Disney+ chega ao Brasil, já é possível realizar um pré-cadastro no site www.globoplay.com/disneyplus. Vale notar que as plataformas vão operar de forma independente, sem uma interface que unifique os dois catálogos.

O acordo entre a rede brasileira e a gigante norte-americana prevê dois tipos de pacotes: um básico, com o Disney+ e o conteúdo on demand da Globoplay, e outro mais completo, que também inclui os canais ao vivo da plataforma brasileira. A oferta também está disponível para os atuais assinantes Globoplay que tiverem contratado o serviço pela web, que poderão fazer upgrade de seus pacotes (assinaturas por meio de lojas de aplicativos ou operadoras de telefone não serão contempladas).

O pacote com Globoplay e Disney+ sairá por R$ 43,90 por mês no plano mensal ou 12 parcelas de R$ 37,90 no plano anual (total de R$ 454,80). Já o pacote que inclui o Globoplay, canais ao vivo e Disney+ terá um custo de R$ 69,90 por mês no plano mensal, ou 12 parcelas de R$ 59,90 no plano anual (total de R$ 718,80).

Apenas o conteúdo do Disney+ sairá no Brasil por R$ 27,90 por mês no plano mensal ou R$ 279 no plano anual. Na manhã desta terça-feira (3), foi anunciada uma promoção para assinaturas anuais pelo valor de R$ 237,90 para quem aderir até 16 de novembro. A assinatura dá direito a acessar o conteúdo em quatro telas simultâneas.

Já em seu lançamento no Brasil, o Disney+ disponibilizará títulos como The MandalorianHamilton e High School Musical: The Musical: The SeriesDesse momento em diante, os futuros lançamentos da plataforma ocorrerão simultaneamente no Brasil, e isso é válido para Falcão e Soldado Invernal e Wandavision, por exemplo.

Vale notar que, a partir de novembro, as animações clássicas da Disney e da Pixar, os filmes da MarvelStar Wars e outras propriedades da Walt Disney Company passam a ser exclusivos do Disney+. De acordo com a assessoria de imprensa do estúdio, nessa data eles deixarão as demais plataformas, como Netflix Amazon Prime Video.

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados para as finalidades ali constantes.