Diretora de novo filme de Kirsten Stewart defende cenas de sexo e viôlencia

Filmes

Notícia

Diretora de novo filme de Kirsten Stewart defende cenas de sexo e viôlencia

Love Lies Bleeding tem produção da A24

Omelete
2 min de leitura
06.03.2024, às 18H02.
Atualizada em 06.03.2024, ÀS 18H19

A diretora de Love Lies Bleeding, novo suspense da A24 estrelado por Kristen Stewart (Crimes do Futuro) e Katy O'Brian (The Mandalorian), Rose Glass, comentou sobre as polêmicas que circulam na internet sobre o público mais jovem não gostar de cenas de sexo e violência em filmes e séries (via IndieWire).

"Eu já li que as pessoas estão dizendo que o público mais jovem é mais avesso ao sexo ou cínico em relação às cenas de sexo, mas só li isso em artigos. Não sei até que ponto isso é verdade”, disse Glass. “Falando por mim mesma, qualquer um que tente se enganar dizendo que sexo e violência não são alguns dos pilares mais importantes do cinema está errado. [Com] o tipo de filme em que estou interessada, há algo como viver indiretamente através desse tipo de história e falar com instintos talvez mais primitivos, vergonhosos ou difíceis e colocá-los na tela.”

Love Lies Bleedings tem momentos quentes entre a gerente da academia Lou (Kristen Stewart) e a fisiculturista Jackie (Katy O'Brian) que são descritos pela publicação como "essenciais para o desenvolvimento das personagens e um primeiro impulso de quem está apaixonado". 

Um dos destaques do Festival de Sundance em 2024, Love Lies Bleeding ainda tem no elenco Ed Harris (Westworld), Jena Malone (Jogos Vorazes: Em Chamas) e Dave Franco (Depois da Festa).

O longa estreia em 15 de março nos Estados Unidos.

Omelete no Youtube

Confira os destaques desta última semana

Omelete no Youtube

Confira os destaques desta última semana

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a nossa Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados e cookies para as finalidades ali constantes.