Filmes

Notícia

Depois de vampiros e lobisomens, é a vez dos dragões: livro teen Firelight a caminho dos cinemas

Produtora compra os direitos da história centrada em humanos descendentes dos répteis voadores

Carina Toledo
21.09.2010
00h00
Atualizada em
21.09.2014
14h08
Atualizada em 21.09.2014 às 14h08

A produtora Mandalay Pictures comprou os direitos para adaptar aos cinemas o livro infantojuvenil sobrenatural Firelight, recente publicação de Sophie Jordan, que também assina com o pseudônimo Sharie Kohler.

Firelight é o primeiro volume de uma trilogia e conta a história de duas irmãs gêmeas adolescentes da espécie draki, descendentes de dragão que conseguem transitar entre as formas humana e reptiliana. Jacinda, uma das gêmeas, desfruta do status de ser a única nascida com a habilidade de respirar fogo em mais de 100 anos. Depois de violar a regra do clã e voar em público, ela atrai caçadores, forçando sua família a se mudar e buscar refúgio entre os humanos, vivendo uma vida normal. No entanto, Jacinda sente que seu espírito dragão está desaparecendo e a única coisa que consegue reacendê-lo é a presença de Will, cuja família caça sua espécie.

Firelight

None

Por enquanto, não há roteirista ou diretor escalados para a adaptação. Se você achou um pouco parecido com Crepúsculo e similares, uma curiosidade: Firelight é também o nome de uma paródia do Saturday Night Live que coloca o monstro de Frankenstein no lugar dos vampiros de Twilight.