Filmes

Lista

Copa do Mundo 2018 | 5 jogadores com nome de atores

Maicon Douglas, homenagem pra Hollywood e mais

Fábio de Souza Gomes
13.06.2018
18h43

A Copa do Mundo está chegando e, por mais distante que pareçam, futebol e cinema estão bem ligados. Ao longo dos anos, diversos jogadores – famosos e nem tão conhecidos – contam com nomes em homenagem a atores, filmes e até mesmo a própria Hollywood.

Confira 10 jogadores com nomes de atores:

Maicon Douglas/Michael Douglas

O lateral-direito teve seu melhor ano em 2010, quando venceu a Liga dos Campeões pela Inter de Milão e foi o titular do Brasil no Mundial de 2010. Ele também chegou a participar da Copa de 2014 e seu nome foi uma homenagem ao ator Michael Douglas, que além de ser um dos maiores atores da história graças a clássicos como Um Dia de Fúria, voltará aos cinemas em Homem-Formiga e a Vespa.

Allan Delon/Alain Delon

Entre 1998 e 2004, o meia foi um dos destaques do Vitória, clube onde fez 94 jogos e marcou pouco mais de 30 gols. Ao longo de sua carreira, passou por clubes como Vasco da Gama, Sport e Ceará. Seu nome é uma homenagem ao ator francês Alain Delon, considerado um sex-symbol durante a década de 60 e 70 que fez filmes como A Piscina e O Sol por Testemunha.

Oleúde Capitão/Hollywood

O volante fez sucesso especialmente na Portuguesa, onde ajudou o clube paulista a chegar à final do Campeonato Brasileiro de 1996. Mais tarde, ajudou o São Paulo a conquistar o Campeonato Paulista de 1998 e seu nome foi, segundo ele mesmo, uma homenagem frustrada a Hollywood.

Ben-hur

O zagueiro começou no Guarani do Rio Grande do Sul e passou por times menores como Ituano, ABC do Rio Grande do Norte e Vila Nova de Goiás. Ele não fez tanto sucesso quanto o clássico de 1959 estrelado por Charlton Heston – que foi indicado para 12 prêmios do Oscar e venceu em 11 categorias, incluindo Melhor Filme, Melhor Diretor e Melhor Ator.

Cristiano Ronaldo/Ronald Reagan

O craque português dispensa apresentações. Camisa 7 do Real Madrid, ele já conquistou cinco vezes o prêmio de Melhor do Mundo, cinco Bolas de Ouro e cinco Liga dos Campeões, além de ter dado o único título da história da seleção portuguesa na Eurocopa 2016. Seu nome foi em homenagem a Ronald Regan, que antes de ser presidente dos EUA, era o ator favorito de seu pai. “Eles gostavam desse nome e achavam que ele parecia forte”, afirmou à GQ.