Bob Iger em evento de Star Wars IX/ JESSE GRANT / GETTY IMAGES NORTH AMERICA / AFP

Créditos da imagem: JESSE GRANT / GETTY IMAGES NORTH AMERICA / AFP

Filmes

Notícia

Bob Iger deixa o cargo de presidente da Disney

Bob Chapek, ex-chefe da divisão de parques, assumirá o posto

Nicolaos Garófalo
25.02.2020
18h37
Atualizada em
25.02.2020
19h14
Atualizada em 25.02.2020 às 19h14

Bob Iger deixou o posto de presidente da Disney após 15 anos no cargo nesta terça-feira (25). O anúncio foi feito por meio de uma nota da assessoria de imprensa do estúdio, que confirmou que Bob Chapek, até então chefe da divisão de parques da empresa, assumirá o posto de CEO deixado por Iger (via Deadline).

Iger agora assumirá o posto de presidente executivo da companhia e supervisionará empreendimentos criativos da Disney até 31 de dezembro de 2021, quando termina seu contrato com a Casa do Mickey. “Com o lançamento bem-sucedido do empreendimento direto ao consumidor da Disney e a integração do 21st Century Fox bem encaminhada, acredito que esteja na hora de iniciar a transição para um novo CEO”, afirmou o produtor no comunicado oficial à imprensa.

O agora ex-presidente da Disney afirmou ainda que se sente animado com o futuro da empresa nas mãos de Chapek, com quem trabalhará na transição administrativa pelos próximos 22 meses. O novo CEO, por sua vez, se disse honrado pela chance de servir como sétimo presidente da empresa e afirmou que seguirá as estratégias de expansão de Iger nos próximos anos.

Bob Iger assumiu o cargo de presidente da Disney em 2005, após Michael Eisner deixar a presidência do estúdio. Antes, o produtor foi presidente da emissora ABC, hoje parte do império Disney e vice-presidente da Casa do Mickey entre 2000 e 2005.