Alita: Anjo de Combate | Primeiras reações destacam visual e ação

Créditos da imagem: Alita: Anjo de Combate/20th Century Fox/Reprodução

Filmes

Notícia

Alita: Anjo de Combate | Primeiras reações destacam visual e ação

Adaptação do mangá chega aos cinemas em 14 de fevereiro

Mariana Canhisares
11.01.2019
09h41
Atualizada em
11.01.2019
09h41
Atualizada em 11.01.2019 às 09h41

Alguns críticos de cinema publicaram suas primeiras impressões de Alita: Anjo de Combate e, de modo geral, elogiaram o visual e a ação da adaptação. Confira:

"Acabei de ver Alita: Anjo de Combate e meio que me surpreendi. Mal posso esperar para todo mundo vê-lo. Mais adaptações de anima/mangá como essa, por favor!"

"Alita desce a mão em todo mundo. Precisa ser uma experiência em 3D"

"Alita é uma viagem louca e visceral que oferece muita ação, um mundo virtual imersivo e surpreendentemente muito drama. Tudo se sustenta no espectador amando a personagem Alita e ela completamente desenvolvida; forte, falha, cativante e rebelde"

"Há muitas surpresas no filme, com algumas viradas sombrias e momentos violentos de ação, assim como personagens que se libertam de serem criaturas digitais monótonas e se tornam indivíduos completos. Muito espetáculo, mas não sem investimento"

"Ótima trilha sonora de Tom Holkenborg que se sobressai no ritmo da ação e nas cenas mais silenciosas. Obviamente os efeitos são bons e a criatividade por trás dos muitos personagens é inpirada e legal, com algumas aparições surpresa. Essa é definitivamente uma experiência no cinema"

"Última observação: 3D é agradável e discreto, melhora a experiência de modo geral. Realmente ansioso para ver em IMAX"

O filme, baseado no mangá Battle Angel Alita, conta a história da personagem-título, que vive em um mundo cyberpunk ambientado no século 26. Na trama, o caçador de recompensas Daisuke Ido encontra uma ciborgue avariada e resolve tratá-la como filha, dando-lhe o nome de Alita. Inspirada no pai adotivo, a menina eletrônica decide, então, seguir seus passos e tornar-se também uma caçadora.

A estreia está marcada para 14 de fevereiro.