Filmes

Vídeo

007 - Operação Skyfall | Omelete Entrevista Daniel Craig

Ator elogia diretor do novo filme

Equipe Omelete
22.10.2012, às 16H36
ATUALIZADA EM 21.09.2014, ÀS 17H17
ATUALIZADA EM 21.09.2014, ÀS 17H17

Nosso correspondente de Hollywood, Steve Weintraub, entrevistou Daniel Craig, sobre o último filme de James Bond, 007 - Operação Skyfall (Skyfall). No bate-papo, o ator conta como foi apresentar Saturday Night Live e sobre os novos aparelhos tecnológicos do filme.

Como você está hoje?

Daniel Craig: Estou bem.

Eu falei com você no set em Istambul. E você estava muito cuidadoso. Tudo era muito secreto. É legal poder falar pelo menos um pouco mais sobre o filme, finalmente?

DC: Sim, claro que é. Nós temos... Aqui é que começa. Nós estamos mostrando o filme para as pessoas agora, então nós temos que falar um pouco sobre ele agora. Obviamente... O bom de vocês verem o filme antes é que vocês têm a chance de assistir a ele, enquanto ninguém viu. E nós temos que esperar que vocês vão respeitar isso, para que todos tenham a mesma experiência que vocês acabaram de ter. Então... é meio... Nós temos que deixar um pouco da história em segredo, mas... Eu estou muito orgulhoso do filme. Eu acho que Sam Mendes fez um trabalho incrível com o filme, então...

Eu... Vou dizer com a câmera ligada. Eu realmente amei esse filme.

DC: Legal. Muito obrigado.

É fantástico.

DC: Muito obrigado.

Eu definitivamente quero perguntar...

DC: Eu adoro pra cacete.

Eu tentei não usar palavrão, mas sim.

DC: Tudo bem.

É fantástico. Eu, honestamente, não sei como você vai superar este filme. Este...

DC: Bom, nós teremos. Então... Isso é o que se tem que fazer, então...

Eu definitivamente quero saber se você estava mais nervoso ou empolgado para fazer James Bond nas Olimpíadas, ou apresentar "Saturday Night Live"?

DC: Ambas foram ótimas experiências, mas "Saturday Night Live"... Eu tive... Eu estava morrendo de medo. Eu não me importo em admitir isso. Mas foi... Aquelas pessoas... Eu amei... Eu amei fazer o programa. Foi uma das melhores experiências que já tive. E foi um desafio. Eu... Eu realmente... Foi uma dessas coisas que surgiram, e eu disse: "Eu não posso negar isso. Eu tenho que fazer." E foi tão amedrontador quanto eu esperava, mas foi muito divertido.

Uma das coisas boas sobre este filme, é que é muito realista. Eu queria saber se você poderia falar um pouco sobre... este tipo... Sobre fazer um filme de James Bond sem os aparelhos tecnológicos divertidos. E eu não quero falar nenhum spoilers, ou nada, mas...

DC: Eu acho que... Nós queríamos trazer... Sam e todo mundo, mas Sam e eu conversamos bastante sobre isso. Mas nós queríamos trazer o estilo. Aquele estilo clássico de volta, mas tinha que ser moderno. E meio que fazer um paralelo. Mas... Lentamente, trazer de volta o tipo que faz um filme de James Bond característico. Por isso personagens como Q e outros também. Os aparelhos são muito simples, mas também são bem importantes. Eles têm um peso na história. Porque havia muitos aparelhos. O escritório de Q é cheio de aparelhos. Nós não precisamos explicar cada um deles, porque isto seria entediante. Então, os aparelhos que temos... e tudo têm um peso. Todos são muito importantes, ao invés de ser genérico, do estilo de James Bond. E nós queríamos ser muito... delicados com isso. E fazer com que se encaixasse na história.

Uma das coisas que também é espetacular sobre este filme é a fotografia de Roger Deakins. Você pode falar um pouco sobre trabalhar com Roger, e o que ele trouxe para o filme.

DC: Eu sou muito fã dele. O seu... A aparência do filme é tão importante. Foi assim que começaram a anos atrás. Levando as melhores pessoas disponíveis para o filme. E Roger aceitando fazer foi simplesmente... muito bom. Nós tivemos muita sorte com as pessoas... Nós tínhamos uma lista de pessoas para fazer o filme, em todos os departamentos, atores e tudo. E, genuinamente, a pessoa no topo da lista disse sim, então... Sabíamos que iríamos fazer um bom filme, mas Sam nos manteve unidos

Você estava muito em forma, fisicamente, neste filme. Estou curioso sobre quando vocês terminaram o filme, e as gravações extras acabaram, qual foi a primeira coisa que você comeu?

DC: Eu comi... Sabe, estávamos em Istambul, na Turquia... para o final da filmagem. E eu não precisava tirar mais a minha camisa. Então, eu comi uma comida turca maravilhosa, o que não é muito para emagrecer, mas é maravilhosa. Então, eu não acabei engordando muito, mas eu... As cervejas... Eu tomei umas cervejas antes de dormir, só para me relaxar.

Eu tenho que terminar, mas bem rapidamente. Você tem alguma novidade? Falaram alguma coisa sobre a sequência de "O Homem que Não Amava as Mulheres"?

DC: Ainda não. Ainda não. Nós estamos esperando. Esperando por um roteiro, e todo o resto. Fale com as pessoas que estão comandando.

Eu definitivamente vou.

DC: Tudo bem.

Muito obrigado. E parabéns.

007 - Operação Skyfall entrou em cartaz no dia 26 de outubro.

Baixe os filmes em HD e as músicas de 007

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados e cookies para as finalidades ali constantes.