Rebecca Ferguson em Duna

Créditos da imagem: Warner Bros./Divulgação

Séries e TV

Artigo

Duna | Quem são as Bene Gesserit e como elas podem ser exploradas na TV

HBO Max produzirá o prelúdio Dune: The Sisterhood

Nico Garófalo
29.10.2021
17h25

Mais de dois anos antes de Duna: Parte Um se tornar um sucesso nas bilheterias e no streaming, a Warner já havia encomendado Dune: The Sisterhood, série que servirá de prelúdio ao filme de Denis Villeneuve e explorará as misteriosas Bene Gesserit, ordem mística que tem grande influência política no Imperium. A irmandade é responsável direta por diversos acontecimentos da saga de Frank Herbert, incluindo a ascensão de Paul ao posto de messias do povo nativo de Arrakis, os fremen.

Com exceção da chegada de Diane Ademu-John (A Maldição da Mansão Bly) como showrunner, pouco foi revelado até o momento sobre The Sisterhood, que será produzida para a HBO Max. Embora seja óbvio que a série se passará antes dos Atreides assumirem a administração de Arrakis, ainda não se sabe em que ponto da linha do tempo de Duna a produção começará e encerrará sua história. A existência milenar das Bene Gesserit abre um leque gigantesco de possibilidades narrativas, incluindo suas origens misteriosas na Terra, seu crescimento após o Jihad Butleriano (mais sobre isso abaixo) e a construção do plano secular para criar um indivíduo de presciência ( capacidade de ver acontecimentos passados, presentes e futuros) perfeita.

Quem são as Bene Gesserit

Como já foi adiantado pela apresentação de Jessica (Rebecca Ferguson) e da Reverenda Madre (Charlotte Rampling) em Duna: Parte Um, as Bene Gesserit são mulheres de capacidades incomuns. Além da presciência, as iniciadas na ordem são também capazes de usar a Voz - poder de manipulação direta que obriga o alvo a obedecê-las -, alterar a composição de venenos ingeridos, controlar a própria fertilidade (incluindo o sexo do bebê) e detectar mentiras na fala de outras pessoas. Essas habilidades permitiram que a irmandade ascendesse a posições de poder após o Jihad Butleriano, cruzada enfrentada por humanos para destruir máquinas controladas por inteligências artificiais que pretendiam substituí-los.

Com o tempo, as Bene Gesserit passaram a ser tão respeitadas quanto temidas e, graças ao poder que adquiriram junto ao Imperium e as famílias nobres, puderam implementar um plano de manipulação genética que apurava sua influência ao mesmo tempo que aumentava sua influência. Seu maior objetivo com essa manipulação genética, no entanto, é a criação do Kwisatz Haderach, uma espécie de Bene Gesserit masculino de presciência absoluta que levaria paz para o universo.

As Bene Gesserit também são responsáveis pela implementação de superstições e crenças religiosas por todo o universo conhecido. Obviamente, a principal delas acontece em Arrakis, onde o braço místico da irmandade, a Missionaria Protectiva, introduz aos fremen o mito do Mahdi, figura messiânica que expulsará os estrangeiros tirânicos que exploram o planeta desértico.

O que pode rolar em The Sisterhood

Como foi explicado acima, a história das Bene Gesserit se estende por milênios e é cheia de planos, manipulações e jogos políticos que moldaram a história do universo. Embora os primeiros registros da existência da ordem sejam da época do Jihad Butleriano, alguns fãs da obra de Herbert teorizam que ela já atuava desde antes da cruzada e se aproveitou do caos para sair das sombras. Com isso, Dune: The Sisterhood pode decifrar essa origem misteriosa, revelando quem eram e como se organizaram as primeiras Bene Gesserit, além de explorar suas ações antes de se tornarem uma importante força do Imperium.

Outro período interessante que poderia ser abordado pela série é a criação e a implementação do plano para o nascimento do Kwisatz Haderach e o que levou a irmandade a traçar esse objetivo. Acompanhar a trajetória da Missionaria Protectiva em Arrakis e como suas habilidades foram recebidas pelos fremen traria uma maior compreensão do significado de Paul e seus descendentes para o povo arrakiano.

The Sisterhood também seria uma boa oportunidade para investir no peso dos nomes de Ferguson e Oscar Isaac, retratando o momento em que Jessica e Leto se conheceram e explorando como a relação deles afetou o plano das Bene Gesserit.

Por enquanto, Villeneuve, Warner e Legendary estão focados em Duna: Parte Dois e devem deixar os planos para Dune: The Sisterhood em segundo plano até que a sequência esteja bem encaminhada. Até lá, os fãs de Duna terão que se contentar com mais alguns anos de rumores, teorias e especulações.

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados para as finalidades ali constantes.