Retorno de Dexter é uma “oportunidade de escrever um segundo final”, diz criador

Créditos da imagem: Divulgação/Showtime

Séries e TV

Notícia

Retorno de Dexter é uma “oportunidade de escrever um segundo final”, diz criador

Clyde Phillips, que deixou série original após 4ª temporada, retorna para escrever novo desfecho para o personagem

Gabriel Avila
21.10.2020
11h44

Relembrada por ter um dos piores finais dentre as séries de TV, Dexter retornará para mais 10 episódios. Além de Michael C. Hall no papel do assassino, a nova leva de capítulos terá o retorno de Clyde Phillips, showrunner que deixou a produção original após 4ª temporada. Em entrevista ao podcast TV's Top 5, Phillips esclareceu alguns pontos sobre esse especial e celebrou a chance de dar um desfecho apropriado para o assassino:

“Não queremos que essa seja a 9ª temporada de Dexter. Dez anos ou mais se passaram desde que o final foi ao ar, e a série vai refletir a passagem do tempo. Então independente do final da produção, esse não terá semelhança com o final original. É uma grande oportunidade de escrever um segundo final, e o Showtime foi muito gracioso sobre isso”.

Clyde Phillips garantiu que os eventos das oito temporadas de Dexter seguem valendo como forma de respeitar o público que acompanhou a série:

“Não estamos desfazendo nada, como se fosse magia cinematográfica. Não vamos trair o público e dizer ‘ops, foi tudo um sonho’. O que aconteceu nos primeiros oito anos aconteceu.”

Por fim, Phillips revelou que o ator Michael C. Hall também estava insatisfeito com a conclusão da série, mas explicou que o motivo para o retorno vai além da frustração:

“Michael certamente estava ciente que o final não foi bem recebido, e acredito que ele não estava completamente satisfeito com isto. Essa é uma oportunidade de fazer direito, mas não é por isso que estamos voltando. Estamos fazendo isso porque há fome de Dexter por aí.”

Dexter teve 96 episódios ao longo de suas oito temporadas. Sua capítulo de estreia foi originalmente exibido em 1 de outubro de 2006 nos Estados Unidos, com seu fim ocorrendo no dia 23 de setembro de 2013. No Brasil a série foi transmitida pelos canais pagos FX e Liv e na rede aberta pela RedeTV. A produção dos novos episódios está marcada para o início de 2021, com a estreia prevista para o final do ano.

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados para as finalidades ali constantes.