Séries e TV

Notícia

Séries da Marvel na Netflix serão mais realistas

Chefe de conteúdo do serviço de streaming diz que série do Demolidor não terá medo de ser sombria

Natália Bridi
25.08.2014
13h40
Atualizada em
29.06.2018
02h36
Atualizada em 29.06.2018 às 02h36

Ted Sarandos, chefe de conteúdo da Netflix, falou à revista Empire (via CBM) sobre os projetos da Marvel no serviço de streaming.

defensores

None

Segundo o executivo, a escolha do time de heróis foi baseada no modelo cinematográfico de Os Vingadores: "Seria possível pegar um outro grupo de personagens, Os Defensores, e fazer a mesma coisa? Normalmente eles ganham um filme e depois partem para a história de origem do grupo. Tendo 13 horas para contar cada uma dessas histórias, você pode fazer a história de origem e partir para a ação ao mesmo tempo", explicou.

Além de Demolidor, que já está em fase de produção, a Netflix planeja 13 episódios de Jessica JonesPunho de FerroLuke Cage (marido de Jessica Jones nas HQs) e uma minissérie com oito capítulos focada no grupo de personagens urbanos Defensores. De acordo com Sarandos, a produção atualmente busca pela protagonista de Jessica Jones.

Sarandos também falou sobre como a série do Demolidor se diferenciará da adaptação de 2003, estrelada por Ben Affleck: "A série não terá medo de ser mais sombria que o filme. O que amamos sobre esse time de heróis em particular é que eles são mais realistas. Não apenas nos uniformes, mas na temática, com essas histórias de crime pesadas, mais nas ruas do que nas nuvens".

Drew Goddard deixou recentemente seu cargo de roteirista, diretor e produtor principal de Demolidor, sendo substituído neste último por Steven DeKnight (SpartacusSmallville). Daredevil estreia na Netflix em 2015.

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados e cookies para as finalidades ali constantes.