Filmes

Notícia

Deadpool 2 | Roteiristas dizem que filme não precisa de um grande orçamento

Dupla falou sobre Cable e os X-Men

Camila Sousa
18.02.2016, às 15H40
ATUALIZADA EM 29.06.2018, ÀS 02H36
ATUALIZADA EM 29.06.2018, ÀS 02H36

Em entrevista ao Collider, Rhett Reese e Paul Wernick falaram sobre a sequência de Deadpool:

None

“Não queremos US$ 150 milhões para fazer o próximo filme, isso não é Deadpool. Ele não coloca cidades no ar nem luta com alienígenas que chegam do espaço, isso somente não é ele. Então estamos felizes nesse pequeno orçamento que nos deram, não queremos estourar isso no próximo”, afirmou Reese.

O roteirista também comentou sobre a entrada do Cable e outros personagens no filme: “Acho que há realmente uma diferença conceitual entre pegar outros personagens e coisas maiores e trazê-los para o universo menor de Deadpool. E o oposto, de colocar o Deadpool com grupos que lutam contra alienígenas ou, no futuro, quando ele e o Cable fizerem alguma coisa. Acho que se o Cable e o Deadpool se encontrarem, provavelmente será no mundo de Deadpool. Isso nos permite controlar essa questão do orçamento um pouco melhor. Não acho que vamos ver esses personagens em algum planeta há 300 anos daqui, porque isso parece caro e também tiraria a relatividade do Deadpool. Acho que esse momento do jogo é sobre pegar outras pessoas e colocá-las no universo urbano, insular e escuro de Deadpool”.

Para finalizar, o roteirista falou sobre a possível aparição de outros membros dos X-Men e os problemas com a linha do tempo:

X-Men: Apocalipse tem planos, há planos para todos os filmes futuros dos X-Men, e também temos problemas de linha do tempo. Agora temos atores fazendo uma nova geração, há os atores mais velhos – onde a linha do Deadpool se encaixaria? Tudo isso são coisas que Simon Kinberg se preocupa para esse momento. Colossus foi fácil, porque ele é cromado e não tinha um ator que aparecesse sem isso, Negasonic também foi por ser uma personagem menor mas, se você começa a falar sobre o Professor X ou o Fera, começamos a ter problemas de linha do tempo e precisamos de um guia nisso”.

Em seu primeiro fim de semana em cartaz nos Estados Unidos, Deadpool faturou US$ 135 milhões, tornando-se a maior bilheteria de estreia de um filme para maiores de 18 anos na história do cinema americano - saiba mais.

No OmeleTV, fizemos o veredito do filme:

Deadpool está em cartaz nos cinemas brasileiros.

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados e cookies para as finalidades ali constantes.