Filmes

Notícia

LEGO - O Filme pode ser recriado de maneira caseira, garantem diretores

Basta ter o número de peças suficiente

Érico Borgo
22.07.2013
00h14
Atualizada em
29.06.2018
02h35
Atualizada em 29.06.2018 às 02h35

Os diretores de de Lego - O Filme, falaram ao Omelete durante a Comic-Con 2013 sobre a adaptação ao cinema do brinquedo de montar - e garantem que é possível reproduzí-lo de maneira caseira com os bloquinhos, mas com uma condição.

"Lego é um negócio caro pra caramba! Então se um moleque milionário tivesse grana para comprar todos os bloquinhos que nós usamos - e TUDO no nosso filme é feito de bloquinhos, até a fumaça e a água - provavelmente conseguiria refazê-lo inteiramente em casa", comenta Chris Miller.

"Apesar do ter computação gráfica, há muitos Legos de verdade ali animados por stop-motion! Fizemos um híbrido incrível, que esperamos que as pessoas não descubram o que é o que", diz Miller.

Os criadores disseram ainda que inicialmente tiveram medo de fazer o filme e o recusaram a princípio, pensando que pareceria demais um comercial de Lego. "Mas o roteiro era tão divertido que mudamos de ideia rapidinho!", explicou Phil Lord. "E é o primeiro filme a ter Batman e Superman juntos! Então toma essa, Liga da Justiça, ahahaha", brinca.

A WB está trabalhando ao lado da empresa de animação Animal Logic - com quem já fez Happy FeetA Lenda dos Guardiões - para realizar o filme das peças de montar em computação gráfica. Ao lado de Lord e Miller, Chris McKay, conhecido pelas animações de stop-motion de Frango Robô, codirige do filme.

The LEGO Movie estreia em 7 de fevereiro de 2014 no Brasil.

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados para as finalidades ali constantes.