PerifaCon + CCXP22: 05 artistas de quebrada no Artists' Valley

Créditos da imagem: Othilia Balades

CCXP

Lista

PerifaCon + CCXP22: 05 artistas de quebrada no Artists' Valley

Artists’ Valley é o coração da CCXP e está cheio de artistas periférios

Omelete
3 min de leitura
03.12.2022, às 15H33.
Atualizada em 18.01.2023, ÀS 11H46

O Artists’ Valley é o coração da CCXP. Sendo o maior vale dos artistas de toda a América Latina, o espaço dedicado a quadrinistas e ilustradores na CCXP é o local perfeito para você que quer comprar histórias em quadrinhos, conhecer novas obras e até descolar um autógrafo do seu artista favorito.

E por que não aproveitar o Artists’ Valley para fortalecer artistas que estarão por lá e são de quebrada? Para te ajudar a fortalecer a cena de quadrinistas, separamos cinco artistas periféricos que já estiveram na PerifaCon e estão com mesa na CCXP 2022.

Douglas Docelino

Ilustrador, quadrinista e animador de Carapicuiba. Participou da coletânea de quadrinhos independentes Tudo Já Foi Dito e da história Canção do Mar Sombrio de Fabricio Saade Pagani. 2022 tem sido um ano movimentado para Douglas. Com uma arte sua tendo sido usada em um clipe da cantora Iza e o lançamento do primeiro capítulo de sua HQ “SIMONE” na PerifaCon 2022, está lançando o segundo capítulo na CCXP. Douglas Docelino está na mesa D16.

LACRUZ

Diretamente das quebradas de Belo Horizonte, Minas Gerais, LaCruz é ilustrador, quadrinista e grafiteiro. Militante do Levante Popular da Juventude e do Movimento Brasil Popular, busca unir suas referências de cultura pop ao seu interesse por arte underground e periférica e já publicou títulos como Quadrinhos Viáveis e a coletânea de tiras Legacy. Na CCXP, LaCruz estará lançando Quequitaconceno?, quadrinho que fez todo pelo celular e que retrata a fictícia Belorihills, onde evoca uma identidade mineira com tons de humor e mistério. Estará na mesa F41.

PARTES

Paloma, que assina como Partes desde 2015, rabisca desenhos dramáticos em seus cadernos desde a adolescência. Preocupada sempre em incluir mulheres diversas em suas ilustrações e retratar sua vivência como pessoa com deficiência em seu trabalho, Partes está na mesa A19 da CCXP com sua zine Pequenos Desabafos (além de adesivos de brinde pra quem estiver a seguindo no instagram, então corre lá no @partes.art para já garantir o seu).

Lana Flowerz

A criadora da trilogia de tirinhas ‘Mundo Meio Roxo’ é potiguara, indígena, travesti, animadora e quadrinista. Vencedora do prêmio de reconhecimento artístico e cultural de São Gonçalo, a artista se manifesta através de sua arte a favor de pautas indígenas e LGBTQIA+. Lana estará na mesa B17.

Pedro Okuyama

Cria da Zona Norte de São Paulo, Pedro é um dos criadores da PerifaCon e já possui uma carreira extensa nos quadrinhos. Publica suas HQs no site Histórias Lacônicas, onde dá preferência para histórias curtas, cotidianas e introspectivas. Alguns dos quadrinhos em que trabalhou foram Histórias Lacônicas, Sobre o Tempo em que Estive Morta, Zémurai 02, Pelota 02 e Hacking Wave. Além disso é um grande autor de zines como As Baratas e A Balada de Jurandir. Pedro está na mesa C17.

*Texto: Raphael Guimarães - Portal Perifacon

Omelete no Youtube

Confira os destaques desta última semana

Omelete no Youtube

Confira os destaques desta última semana

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a nossa Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados e cookies para as finalidades ali constantes.