Medida Provisória, filme de Lázaro Ramos, tem cenas inéditas divulgadas na CCXP

Créditos da imagem: Divulgação

CCXP

Notícia

Medida Provisória, filme de Lázaro Ramos, tem cenas inéditas divulgadas na CCXP

Longa faz reflexão sobre igualdade e preconceito racial no Brasil do futuro

Guilherme Machado
04.12.2020
19h21

“Tudo isso ocorreu quando vocês resolveram conquistar as coisas por lei, e não por mérito”, afirma a personagem de Renata Sorrah nas cenas exclusivas do filme Medida Provisória, divulgadas no painel do longa no palco Thunder na CCXP. A frase mostra algumas das discussões que o filme levanta sobre igualdade e preconceito racial no Brasil. O longa, o primeiro dirigido pelo ator Lázaro Ramos, se passa em um futuro distópico, no qual o governo emite uma medida provisória obrigando os negros do país a retornarem à África.

“Foi uma experiência transformadora. Poder contar essa história, elaborando uma nova linguagem que acho que temos experimentado pouco no Brasil. É um filme que mistura três gêneros: comédia, thriller e drama”, explicou Lázaro durante o painel.

O diretor ainda reforçou que acha que o filme será capaz de provocar uma grande reflexão no público. Nas cenas exibidas, isso fica claro, quando personagens, após o anúncio da ordem, começam a discutir a questão racial no país.

O longa é protagonizado por Alfred Enoch, famoso por Harry Potter e How to Get Away With Murder, Taís Araújo e Seu Jorge, que vivem respectivamente um advogado, uma médica e um jornalista. Os personagens se rebelam contra a ordem do governo e se isolam em um apartamento, onde começam a discutir temáticas sociais.

Para Taís, a representatividade mostrada no filme é extremamente importante.

“Eu acho que é uma provocação para quem não está acostumado a ver e entra no consultório e vê uma médica ou médico negro. Eu acho que também serve para construir um imaginário que já existe, existem muitos médicos e médicas negra”, destacou ela.

A personagem da atriz se chama Capitu. E sim, tem tudo a ver com a figura famosa criada por Machado de Assis, uma vez que todos os personagens têm nomes relacionados à história negra.

“Esse personagem da Capitu é um Brasil do futuro. É um Brasil que a gente está na batalha para projetar. Esse filme fala de um Brasil de um futuro, ele fala sutilmente que no futuro vamos ver a diáspora mais presente em setores diversos”, afirmou Seu Jorge.

De acordo com Lázaro, ao longo do filme, os personagens vão encontrando formas diferentes de lutar. Aliás, não faltaram elogios ao diretor

“Eu dou 20 para esse cara. Ele é um excelente maestro, ele faz o que acho que todo reitor deveria fazer: todo mundo é peça fundamental de qualquer obra que a gente faz. Ele faz com que cada profissional se sinta fundamental, tenha o valor que ele de fato tem”, disse Taís.

“O Medida foi uma realização muito importante para nós. No sentido de lugar mesmo, de espaço, de tomar posição”, complementou Seu Jorge.

Lázaro agradeceu os comentários e ressaltou que vê seu filme ganhar espaço também entre o público geek.

“Ele tem essa pretensão de inaugurar um estilo no nosso país. E quem sabe uma revista em quadrinhos?”, concluiu.

Medida Provisória tem previsão de estreia para o primeiro semestre do ano que vem.

A CCXP Worlds: A Journey of Hope, primeira edição 100% digital do maior evento de cultura pop do mundo, acontece entre os dias 4 e 6 de dezembro de 2020. Os ingressos gratuitos e os pacotes especiais, que dão direito a atrações e brindes exclusivos, estão disponíveis no site www.ccxp.com.br.

Nesta sexta (4), a Paramount apresenta seus próximos lançamentos, incluindo a nova versão de O Poderoso Chefão 3, o elenco de The Walking Dead: World Beyond conta como a série expande o universo de TWD, e a Globo traz um elenco estrelado, incluindo Taís Araújo e Lázaro Ramos. No lado dos quadrinhos, é o dia do homenageado Neil Gaiman, além de nomes como Jeff Smith e Matt Fraction.

Quem perdeu alguma coisa ou quer rever os melhores momentos pode acessar os vídeos on demand, que serão disponibilizados na plataforma em até 24 horas depois da exibição ao vivo e ficam no ar até o dia 13 de dezembro.

Acompanhe a cobertura completa no siteTwitter e Facebook do Omelete.

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados para as finalidades ali constantes.