HQ/Livros

Notícia

DC Comics confirma: Bruce Wayne aposenta o manto do Batman

Final da saga "Batman R.I.P." é apenas o estopim das mudanças na série do morcego

Érico Assis
18.11.2008
13h00
Atualizada em
29.06.2018
02h31
Atualizada em 29.06.2018 às 02h31

A bomba estava chegando, e finalmente estourou. A DC Comics confirmou ao jornal USA Today que, ao final da saga "Batman R.I.P.", Bruce Wayne vai abandonar o manto de Batman nos quadrinhos.

Batman #681, que sai na semana que vem nos EUA, é a conclusão da saga escrita por Grant Morrison. A capa, que você confere ao lado, é emblemática.

batman

None
Batman #686, parte 1 (de 2) da história escrita por Gaiman

Batman

None
Batman #681, fim da saga R.I.P.

Desta forma, a história de Neil Gaiman prevista para as bat-revistas de fevereiro, "Whatever Happened to the Caped Crusader?", será mesmo um adeus ao personagem no ano de seu 70º aniversário. Em entrevista ao jornal, Gaiman diz que a história mistura todas as versões do herói, das cômicas às mais dark, com vários estilos de desenho distintos - todos no lápis de Andy Kubert.

"É minha última história de Batman. E, de certa forma, pode ser vista como toda última história de Batman", declarou Gaiman ao USA Today.

Os previews de fevereiro da DC, publicados esta semana na Internet, revelam as capas das edições de Gaiman e um pouco mais sobre a história, que "explora as intrincadas relações entre Bruce Wayne e seus amigos e adversários, levando a um clímax chocante e inesperado".

A partir de março, começa a minissérie The Battle for the Cowl, na qual Asa Noturna, Robin e outros bat-personagens estão envolvidos lutando pelo legado de Bruce Wayne. E Grant Morrison já confirmou que voltará a escrever Batman em 2009 - mas qual Batman?