Superman and Lois

Créditos da imagem: CW/Divulgação

Séries e TV

Artigo

Retorno de Superman & Lois antecipa 2º ano difícil para a família Kent

Mais dramática que o ano anterior, estreia da segunda temporada introduz novos obstáculos na vida dos protagonistas

Nico Garófalo
12.01.2022, às 16:52

De longe a melhor série do Arrowverse na temporada 2020-2021, Superman & Lois expandiu a história do Homem de Aço para a TV de forma surpreendentemente competente. Mesmo tomando grandes liberdades criativas em relação ao material original, a produção foi o primeiro live-action em anos que compreendeu o símbolo otimista que é o personagem e a importância de sua ligação com a humanidade em sua história. Embora tenha foco um pouco maior nos dramas familiares dos Kent, a estreia da segunda temporada dá todos os sinais de que manterá esse retrato mais alegre ao mesmo tempo em que introduz os novos desafios que virão pela frente.

Lidando com a conclusão da primeira temporada, Superman & Lois retorna mostrando a superfamília relativamente dividida. Clark (Tyler Hoechlin) e Lois (Elizabeth Tulloch) se estranham com frequência; Jordan (Alex Garfin) começa a enfrentar problemas em seu namoro com Sarah (Inde Navarrette); e Jonathan (Jordan Elsass), como todo adolescente, precisa controlar seus hormônios à flor da pele. Não bastasse o turbilhão na casa Kent, o Superman é colocado em xeque pelo exército norte-americano, com o tenente Anderson (Ian Bohen) pressionando o herói para que ele jure publicamente sua lealdade aos Estados Unidos.

Essa atmosfera mais dramática no início da temporada antecipa o tamanho dos desafios que serão enfrentados pelos protagonistas de Superman & Lois nas próximas semanas. Diferentemente do que aconteceu no último ano, a série aborda os problemas pessoais dos Kent com a mesma importância dada a perigos como terremotos e potenciais desastres nucleares, antecipando um ano cheio de tensão tanto para Clark, quanto para o Superman.

As duas identidades do kryptoniano, aliás, enfrentam desafios bem diferentes, em construção semelhante à que foi feita ao longo da primeira temporada. Enquanto o ex-repórter precisa se dedicar ao seu papel de pai, marido e amigo, o Azulão tem que usar seus poderes da melhor forma possível para impedir mortes inocentes. Esse equilíbrio ao retratar a vida dupla de Clark, evidenciada por mais uma ótima atuação de Hoechlin, deixa ainda mais fácil a conexão do público com o protagonista e sua aura divina, presente até mesmo na hora em que ele passa vergonha ao falar de sexo com os filhos.

A Lois Lane de Tulloch também continua sendo construída como uma heroína por si só. Embora não possa atravessar o mundo em um piscar de olhos para salvar alguém, ela assume o peso de manter Smallville de pé, mesmo dominada pela angústia e pelo luto causados pelos eventos do ano anterior.

Repetindo o que fez no ano anterior, Superman & Lois retorna prometendo explorar todos os aspectos da vida de seus protagonistas. Ao mesmo tempo, a série toma a decisão de mudar seu tom para algo que, embora ainda longe do dramalhão típico de outras produções da CW, indica um amadurecimento, dos personagens e do programa em si, que deve ser sentido ao longo dessa segunda temporada.

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados e cookies para as finalidades ali constantes.