Logo de Arrow

Créditos da imagem: CW/Divulgação

Séries e TV

Lista

Arrow | Confira os easter eggs do último episódio da série

Homenagem a lenda das HQs, destino de Diggle e reencontro do casal Olicity estão entre as principais referências do finale

Nicolaos Garófalo
29.01.2020
16h10

Com o episódio final de Arrow sendo transmitido na noite de terça-feira (28) nos Estados Unidos, a série que deu origem ao Arrowverse disse adeus aos telespectadores após oito anos de transmissão pelo canal CW.

Com ligações ao legado da série e às suas origens nas HQs, “Fadeout” não economizou nas referências, seja em flashbacks, nomes ou visuais de personagens. Confira abaixo a lista com os easter eggs espalhados no finale de Arrow – e cuidado com spoilers:

O braço mecânico do Arsenal

Após perder o braço direito no sétimo episódio da oitava temporada, Roy Harper/Arsenal (Colton Haynes) ressurgiu no finale com um braço mecânico, remetendo ao visual do herói nos quadrinhos após os eventos do arco Cry For Justice, em que a Liga da Justiça enfrenta o vilão Prometheus. Embora o membro robótico referencie um dos períodos mais turbulentos da vida de Roy nas HQs, a versão de Arrow parece ter um caminho mais feliz pela frente, agora que está noivo de Thea (Willa Holland).

Van Wayne

Falando no casal, o pedido de Roy foi feito enquanto ele e Thea investigavam o sequestro de William (Jack Moore) em um depósito em Star City. De acordo com o outdoor mostrado ao fundo na cena, o prédio pertence a Van Wayne, primo de Bruce interpretado por Alan Tudyk em Powerless, comédia que retratava a vida de funcionários responsáveis por desenvolver aparelhos que ajudassem cidadãos comuns a sobreviverem em um mundo repleto de seres superpoderosos.

O retorno de Emiko

Entre os vários retornos proporcionados por Oliver (Stephen Amell) ao reiniciar o universo em Crise nas Infinitas Terras, Emiko talvez seja o mais curioso. Sea Shimooka retorna ao papel da meia-irmã do arqueiro, mas, ao invés da alma vingativa mostrada na sétima temporada, sua personagem parece ter recebido um tratamento melhor por parte do pai e a Arqueira Vermelha é recebida de braços abertos na família por Moira (Susanna Thompson) e Thea.

Lanterna Verde

Enfim, todas as referências feitas à Patrulha dos Lanternas Verde ao longo do Arrowverse foram compensadas, por mais que a cena não mostre o anel energético em si. Prestes a se mudar para Metrópolis com a família, John Diggle (David Ramsey) é quase atingido por um meteorito e, ao investigar a cratera, descobre uma caixa, cujo conteúdo traz um forte brilho verde, confirmando as teorias que ligavam Dig ao Lanterna John Stewart.

John Byrne

Além dos Lanternas, o Arrowverse não é estranho a referências ao universo DC nas HQs. Ao longo dos anos, personagens como Bruce Wayne e Mulher-Maravilha já foram citados e, em Crise nas Infinitas Terras, o próprio roteirista Marv Wolfman deu as caras para uma ponta. Em “Fadeout”, o showrunner Marc Guggenheim deu ao vilão da semana, interpretado por Johnny Cuthbert, o nome de John Byrne, lendário quadrinista de revistas como X-Men, Superman - O Homem de Aço e Quarteto Fantástico. Incluir o nome do ilustrador e roteirista no episódio não foi gratuito: como Byrne recontou as origens do Superman após a HQ Crise nas Infinitas Terras, nada mais justo do que homenageá-lo na série mais importante do Universo da DC na TV.

Telas de abertura e encerramento

Durante a abertura de “Fadeout”, o título tradicional de Arrow, que costuma mostrar uma ponta de flecha, foi substituído por uma versão que homenageia o legado da série, trazendo as sete diferentes setas usadas ao longo dos anos. No encerramento, que também costuma mostrar a flecha usada por Oliver, a tela mostrada foi a mesma que a dos episódios da primeira temporada, exibida em 2012.

Amor à primeira vista

Retomando o encerramento da sétima temporada, quando Felicity (Emily Bett Rickards) parte com o Monitor (LaMonica Garrett) para encontrar Oliver no pós-vida, a série mostra o “paraíso” construído pelo herói: o antigo escritório de Moira na Queen Consolidated, onde, durante um flashback da terceira temporada, o Arqueiro Verde viu a futura esposa pela primeira vez. Sem entender nada, Felicity diz que os dois se conheceram no departamento de TI da empresa, quando Oliver responde “é uma longa história”.