Séries e TV

Notícia

Agent Carter não será revivida pela Netflix, segundo presidente de conteúdo

"Estamos procurando marcas originais", diz Ted Sarandos

Arthur Eloi
16.01.2017
14h37
Atualizada em
29.06.2018
02h42
Atualizada em 29.06.2018 às 02h42

Cancelada no começo de 2016, o fim repentino de Agent Carter decepcionou os fãs. Pouco após o ocorrido, os órfãos do seriado estrelado por Hayley Atwell clamaram que a Netflix assumisse o projeto. Agora, o presidente de conteúdo Ted Sarandos explica em entrevista ao Entertainment Weekly o motivo pelo qual isso não acontecerá:

None

"Estamos procurando marcas originais, e no espaço da Marvel já temos Demolidor, Jessica Jones, Luke Cage e Punho de Ferro. Além disso há algumas complexidades de direitos de exibição pois quando você compra um seriado, transmiti-lo globalmente é difícil até mesmo após seu cancelamento. Emissoras ainda podem tê-lo na programação, podendo argumentar que são donas dos direitos. Infelizmente trata-se mais de uma decisão de negócios do que uma criativa", disse Sarandos.

Jeph Loeb, presidente da Marvel Television, comenta que o cancelamento foi decisão da emissora ABC, garantindo que acabar com o seriado não era intenção do estúdio: "Diferente do cinema onde eles podem falar 'Vamos fazer um filme da Capitã Marvel em 2019', a divisão de televisão não tem essa habilidade. Nós somos, no fim das contas, compromissados com a emissora em que estamos. Então para todos os fãs de Agent Carter por ai, não fomos nós que cancelamos o programa."

Agent Carter teve 18 episódios divididos em duas temporadas. Ironicamente, ambas estão disponíveis no catálogo da Netflix.

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados para as finalidades ali constantes.