Diretor do reboot de A Morte do Demônio compara filme a quarentena

Créditos da imagem: Ghost House Pictures/Divulgação

Filmes

Notícia

Diretor do reboot de A Morte do Demônio compara filme a quarentena

Fede Alvarez celebrou aniversário do filme com diversas fotos de bastidores

Nicolaos Garófalo
07.04.2020
00h53
Atualizada em
07.04.2020
01h08
Atualizada em 07.04.2020 às 01h08

Celebrando o aniversário de sete anos do remake de A Morte do Demônio (2013), o diretor Fede Alvarez divulgou uma série de fotos dos bastidores da produção, mas não sem antes comparar o longa de terror com o isolamento social causada pela pandemia do coronavírus. Em post no Twitter, o cineasta comparou a trama do reboot a uma quarentena, dizendo que o filme é “basicamente sua vida neste momento” – veja abaixo:

Se você ainda não viu A Morte do Demônio de 2013, é sobre um pequeno grupo de pessoas que se coloca de quarentena para vencer um determinado problema, viram monstros e se viram um contra o outro. Basciamente sua vida neste momento

O diretor também mostrou algumas fotos de bastidores, conversando com atores e realizando algumas tomadas icônicas do novo filme – veja abaixo:

Lançado em 2013, A Morte do Demônio tinha como objetivo servir como reboot e continuação da franquia Evil Dead, criada por Sam Raimi nos anos 1980. A cena pós-créditos do abria caminho para uma sequência com o retorno de Bruce Campbell no papel de Ash, mas o filme nunca saiu do papel.