Bebidas temáticas do Galaxy's Edge, parque de Star Wars

Créditos da imagem: Coca-Cola/Youtube/Reprodução

Filmes

Notícia

Star Wars | TSA passa a permitir entrada de bebidas do Galaxy's Edge em voos

Garrafas especiais do parque simulam granadas de mão; Agência voltou atrás após pedidos do público

Arthur Eloi
03.09.2019
18h48
Atualizada em
04.09.2019
11h42
Atualizada em 04.09.2019 às 11h42

A administração federal de segurança de transportes dos Estados Unidos - a TSA - voltou atrás na decisão de proibir a entrada de bebidas temáticas do Galaxy’s Edge, parque de Star Wars, em aviões.

A regra-geral da TSA afirma que réplicas de explosivos não são permitidos de forma alguma, já que a empresa precisa garantir a segurança de cada um. Como as bebidas temáticas simulam granadas do universo de Star Wars, a regra também vale para as embalagens. Agora, após manifestações do público, a agência abriu uma exceção.

O problema com as garrafas do Galaxy’s Edge foram trazidos a nossa atenção pelo público recentemente, já que esses itens podem ser como réplicas de granadas de mão", diz a TSA em comunicado. "Nós agradecemos que o problema foi citado, porque réplicas de explosivos não permitidas nem em bagagem de mão ou despachadas. Nós avaliamos e instruímos nossos agentes a tratarem os itens como líquidos de tamanho grande.

Apesar da decisão permitir que turistas levem as garrafas como colecionáveis, a última linha cria uma pequena complicação: a TSA apenas permite líquidos de até 100ml em bagagens de mão. Portanto, as garrafas fechadas tem de ser despachadas junto com as malas, ou então serem esvaziadas quando levadas nas bagagens de mão.

Pelo lado positivo, a TSA já garantiu que os visitantes do Galaxy’s Edge poderão trazer seus sabres-de-luz sem maiores dores de cabeça. “Infelizmente a tecnologia para criar um sabre-de-luz real ainda não existe. De qualquer forma, os de brinquedo podem ser levados em malas de mão ou despachadas. Que a força esteja com você!”, brincou a agência no Twitter.