Filmes

Lista

Star Wars | 30 curiosidades sobre a saga criada por George Lucas

Influenciando a cultura pop desde 1977, a franquia tem uma história tão curiosa nos bastidores quanto nas telonas

A cozinha
03.12.2019
20h21
Atualizada em
03.12.2019
21h10
Atualizada em 03.12.2019 às 21h10

Star Wars: A Ascensão Skywalker estreia no dia 19 de dezembro nos cinemas, encerrando uma das sagas cinematográficas mais influentes de todos os tempos. Criada por George Lucas, a franquia tem uma longa e curiosa história nos bastidores, que envolve diversas versões de roteiros e mudanças drásticas em personagens queridos do público.

Confira abaixo 30 curiosidades sobre a saga Star Wars nos cinemas:

Lucasfilm/Divulgação

1 - Antes de ser Skywalker, Luke era Starkiller. Adventures of the Starkiller, Episode I: The Star Wars era o título da segunda versão do roteiro de Uma Nova Esperança. Luke foi rebatizado e chegou à sua personalidade definitiva durante a pré-produção do filme.

Lucasfilm/Divulgação

2 - Lucas cogitou várias ideias para o filme que, eventualmente, foram descartadas. Algumas das mais singulares envolvem um elenco principal formado por anões, Luke Skywalker como um general de 60 anos e um Han Solo alienígena.

Lucasfilm/Divulgação

3 – O icônico Darth Vader foi o primeiro personagem do universo Star Wars criado por George Lucas, mesmo com seu tempo de tela limitado no longa original

4 - Apesar da presença marcante em Uma Nova Esperança, Vader aparece, ao todo, por 12 minutos no longa que deu origem à franquia.

Mercury Productions/Divulgação

5 - Originalmente, Lucas queria que o personagem fosse dublado por Orson Welles, de Cidadão Kane, mas desistiu por achar que a voz do ator/diretor seria facilmente reconhecida. Com isso, a voz do personagem ficou com James Earl Jones.

Warner Bros./Lucasfilm/Divulgação

6 - Além de Jones, foram necessários mais dois atores para dar vida a Darth Vader. David Prowse (Laranja Mecânica) deu corpo ao vilão, enquanto Sebastian Shaw interpretou Vader sem capacete, em seus momentos finais em O Retorno de Jedi.

Ralph McQuirre/Lucasfilm/Divulgação

7 - A armadura de Darth Vader foi desenhada por Ralph McQuarrie, cuja principal preocupação era a capacidade do personagem de se locomover e respirar enquanto se deslocava da sua nave para a da Princesa Leia - não é explicado o porquê da armadura até O Império Contra-Ataca.

Lucasfilm/Divulgação

8 - O som da respiração do Darth Vader foi criado por Ben Burtt, que colocou um pequeno microfone do bocal de um respirador de mergulho e gravou o som da própria respiração usando o aparelho.

Lucasfilm/Divulgação

9 - Na primeira versão do roteiro de Leigh Brackett para O Império Contra-Ataca, a revelação da irmã de Luke, que se chamaria Nellith Skywalker, é feita pelo fantasma de Anakin Skywalker - que não seria Darth Vader. Teria sido ele, e não Obi-Wan, que separou os gêmeos para protegê-los de Darth Vader, sendo que Nellith também estaria passando pelo treinamento Jedi em outra parte da Galáxia para, depois, unir forças com o irmão e derrotar os Sith.

Lucasfilm/Divulgação

10 - O nome R2-D2 significa "Reel 2, Dialog 2". A sigla surgiu durante a pós-produção de Loucura de Verão (1973), quando o editor de som pediu a Lucas o R2-D2, ou o Rolo#2 (Reel 2) do Segundo Diálogo (Dialog 2). Lucas gostou do som da abreviação e anotou para usá-la no futuro.

Lucasfilm/Divulgação

11 - Nas primeiras versões do roteiro, R2-D2 podia falar normalmente. Apesar de suas falas terem sido removidas, as reações de C-3PO ao diálogo foram mantidas no roteiro.

Lucasfilm/Divulgação

12 - A palavra Ewok nunca é dita em O Retorno de Jedi, assim como os membros da tribo nunca são chamados por seus nomes (Wicket, Paploo, etc.).

Lucasfilm/Divulgação

13 - A língua falada pelos Ewoks foi baseada no tibetano. O designer de som Ben Burtt teve como inspiração um documentário da BBC sobre línguas tibetanas, nepalesas e calmucas, tendo entrevistado diversos tibetanos para o filme.

Lucasfilm/Divulgação

14 - Outras inspirações de línguas aparecem nas falas de Nien Nunb, o piloto de Lando Calrissian, que fala Haya, um dialeto da Tanzânia (os diálogos teriam sido gravados por um estudante intercambista) e dos Jawas, que falam uma versão alterada e acelerada de zulu.

Lucasfilm/Divulgação

15 - Originalmente, Darth Vader seria um caçador de recompensas intergaláctico, mas depois que o personagem se tornou um Jedi caído, Lucas decidiu reciclar o conceito do "bounty hunter" para Boba Fett.

Joe Johnston/Lucasfilm/Divulgação

16 - Joe Johnston, diretor de Capitão América: O Primeiro Vingador, é o criador da primeira versão do visual do caçador de recompensas Boba Fett. O design foi aprimorado por Ralph McQuarrie, mas os primeiros desenhos e testes de vídeo da armadura são assinados por Johnston, que na época trabalhava com efeitos especiais.

Lucasfilm/Divulgação

17 - Lucas chegou a considerar revelar nos prelúdios que Vader e Fett seriam irmãos, mas abandonou a ideia por considerá-la "muito piegas".

Lucasfilm/Divulgação

18 - Jeremy Bulloch, que interpreta Boba Fett, também dá vida ao Tenente Sheckil, que captura Leia durante sua tentativa de fuga em Bespin. Bulloch cobriu a ausência do ator escalado originalmente para o papel. O ator também interpretou um piloto em A Vingança dos Sith.

Lucasfilm/Divulgação

19 - Wedge Antilles é tio de Obi-Wan Kenobi, ou melhor, Denis Lawson, que interpretou Wedge - o único personagem secundário a sobreviver as três grandes batalhas da trilogia, Yavin, Hoth e Endor - é tio de Ewan McGregor, que viveu o Jedi nos Episódios I, II e III.

Lucasfilm/Divulgação

20 - Sofia Coppola, diretora de Encontros e Desencontros, e Keira Knightley, conhecida por Piratas do Caribe, interpretam duas das acompanhantes de Padmé, Natalie Portman, em A Ameaça Fantasma. É Knightley, aliás, que se disfarça como a rainha quando a corte de Naboo sugere uma aliança com os Gungans.

Lucasfilm/Divulgação

21 - George Lucas conta com um especial de Natal que, originalmente, foi exibido em 1978. Contudo, o resultado foi tão desastroso que o Criador renega o programa - que conta com uma animação do Boba Fett e foca na família de Chewbacca, que está aguardando a chegada do wookie para uma comemoração em seu planeta natal.

Lucasfilm/Divulgação

22 - Em Star Wars: From a Certain Point of View, livro que faz parte do cânone da franquia, revela que Yoda sonhava em treinar Leia e não Luke. No conto There is Another, o mestre Jedi só aceita treinar Luke por insistência de Obi-Wan, pois via no garoto a mesma impaciência e raiva de seu pai, Anakin Skywalker - o futuro Darth Vader.

Lucasfilm/Divulgação

23 - Muitos sabem que Leia e Luke são irmãos e, por conta disso, a Força também é poderosa na heroína. Mesmo assim, ela nunca quis ser uma Jedi. No livro Legado de Sangue, ela explica que nunca se tornou uma cavaleira pois sua vida é dedicada a política. Nas palavras dela: “Meu dever sempre esteve aqui, trabalhando para criar um governo novo e melhor”.

Lucasfilm/Divulgação

24 - Rogue One é cheio de referências em seus diálogos, e um dos mais icônicos acontece quando Jyn, Cassian e K2SO chegam à torre onde estão guardados os planos da Estrela da Morte. Neste momento, o droide começa a proferir a frase “I have a bad feeling about this”, ou “tenho um mau pressentimento sobre isso”, a mesma dita em todos os filmes da franquia, antes de ser interrompido por Cassian.

Lucasfilm/Divulgação

25 - Grand Moff Tarkin volta em Rogue One graças a computação gráfica. Interpretado por Peter Cushing em Star Wars: Episódio IV - Uma Nova Esperança, ele é interpretado no derivado por Guy Henry, que ganhou as feições de Cushing por computação gráfica. Nos créditos do filme, a produção agradece à família do ator britânico, morto em 1994, pela liberação da imagem.

Lucasfilm/Divulgação

26 - Harrison Ford quebrou a perna durante a gravação de O Despertar da Força. Uma porta da Millenium Falcon caiu em seu pé e as gravações precisaram ser paralisadas para que ele se recuperasse.

Lucasfilm/Divulgação

27 - Diversos famosos fizeram participações especiais em O Despertar da Força. Simon Pegg faz o alienígena que compra sucatas de Rey, Daniel Craig, o atual 007, viveu o stormtrooper que guardou a protagonista em sua cela na Base Starkiller; e Kevin Smith e Ewan McGregor emprestaram suas vozes para a cena em que a futura Jedi pega o sabre de Luke pela primeira vez.

Lucasfilm/Divulgação

28 - John Boyega estava tão tenso em deixar vazar a informação de que faria o filme que não revelou nem para os seus pais que conseguiu o papel de Finn em O Despertar da Força. Ele só avisou eles após a divulgação oficial da primeira foto do elenco.

Lucasfilm/Divulgação

29 - A cena em que Kylo Ren mata Han Solo foi filmada totalmente em tela verde, pois J.J. Abrams ainda não sabia onde queria que a cena acontecesse.

United Press International/Reprodução

30 - O visual Yoda foi baseado em Albert Einstein. Stuart Freeborn, supervisor de efeitos especiais em O Império Contra-Ataca, usou o próprio rosto misturado com o do famoso físico para criar o personagem.