Imagem de Esquadrão Suicida

Créditos da imagem: Esquadrão Suicida/Warner/Divulgação

Filmes

Notícia

Jared Leto estava em isolamento para meditação e não sabia do coronavírus

Astro revelou que ficou 12 dias se contato com o mundo e encontrou uma realidade bem diferente quando voltou

Camila Sousa
17.03.2020
11h41
Atualizada em
24.03.2020
10h26
Atualizada em 24.03.2020 às 10h26

O astro Jared Leto revelou em suas redes sociais que estava em um retiro para meditação e não sabia sobre todas as consequências do coronavírus. O protagonistas de Morbius disse que ficou 12 dias se contatos externos e encontrou um mundo bem diferente quando saiu. Ele aproveitou para pedir aos fãs que se mantenham bem e em casa:

Ver essa foto no Instagram

❤️

Uma publicação compartilhada por JARED LETO (@jaredleto) em

"Uau. Há 12 dias eu comecei uma meditação silenciosa no deserto. Estávamos totalmente isolados, sem telefone, comunicação, etc. Não fazíamos ideia do que estava acontecendo fora das instalações. Saímos ontem para um mundo bem diferente. Um que foi mudado para sempre. Surpreendente, para dizer o mínimo. Estou recebendo mensagens de amigos e família ao redor do mundo e me inteirando do que está acontecendo. Espero que vocês e os seus estejam bem, estou enviando mensagens positivas para todos. Fiquem em casa, fiquem à salvo".

Leto é o protagonista de Morbius, novo derivado do Homem-Aranha, que segue com o lançamento marcado para 31 de julho de 2020.

Efeito Coronavírus na cultura pop

O COVID-19 é uma nova mutação da família coronavírus que está se espalhando em ritmo alarmante desde dezembro de 2019. A China foi o primeiro país vítima da epidemia, com infecções e mortes confirmadas em todas as suas províncias. Desde então, a presença do vírus foi confirmada em quatro continentes - incluindo a América do Sul, com casos no Brasil, Argentina e Chile.

Filmes como 007 - Sem Tempo Para MorrerVelozes e Furiosos 9Um Lugar Silencioso 2MulanNovos Mutantes entre outros, tiveram suas estreias adiadas por causa da pandemia. Entre 13 e 15 de março, os Estados Unidos registraram sua pior arrecadação em 20 anos nas bilheterias.