HQ/Livros

Notícia

Strange Adventures: Ultra The Multi-Alien | Alien esquisito da DC está de volta

Mark Doyle fala sobre a nova história do multi-alienígena

Marcelo Soares
30.05.2011
19h25
Atualizada em
11.12.2016
05h05
Atualizada em 11.12.2016 às 05h05

Você já viu o personagem que aparece na capa de Strange Adventures, a nova coletânea de ficção científica da Vertigo: ele geralmente aparece como um lembrete de que a DC Comics já teve uma Era de Prata cheia de personagens estranhos. Mas agora, pela primeira vez desde os anos 1960, ele terá uma aventura própria: The Life and Death of Ace Arn. Mark Doyle, o editor da Vertigo, falou a respeito no blog da editora.

Mistery in Space

None

Ultra

None

Ultra, o Multi-Alien é uma piada. Foi uma piada recorrente nos corredores da DC por anos. Tipo, olha só o cara! Que bagunça! Todo mundo faz piada com o Ultra”, disse Doyle. Segundo ele, a ideia foi de seu antecessor, Pornsak Pichetshote. “Ele é maluco por essas velharias”, afirmou. Doyle convidou o roteirista Jeff Lemire para escrever.

Ultra apareceu pela primeira vez em 1965, na revista Mistery in Space 103, pelas mãos de Dave Wood e Lee Elias. O terrestre Ace Arn se tornava uma aberração multicolorida após enfrentar armas de raios. Teve sete histórias na revista e foi para o limbo dos heróis esquecidos, onde Grant Morrison fez com que ele encontrasse o Homem-Animal em 1990. Reapareceu em Starman e foi reconvocado diversas vezes por Geoff Johns. Chegou até mesmo a colaborar com os amigos de Donna Troy na Guerra Rann-Thanagar, durante a Crise Infinita.

O grande desafio é fazer uma história “séria” com um personagem que ninguém leva a sério e que costuma ser uma nota de rodapé na história da DC Comics. E Lemire é o homem certo para isso, segundo Doyle.

“Ele tem um amor e uma reverência por todos os velhos personagens da DC. Tanto os legais quanto os não muito. Especialmente os 'não muito'. Ele gosta de olhar a fundo nos personagens, descobrir o que mexe com eles, mostrar por que eles são simpáticos”, disse Doyle. “E eu e Jeff estávamos conversando sobre o Ultra enquanto eu folheava a Enciclopédia DC. Falei pro Jeff que a namorada dele se chamava Bonnie. E foi isso. O Jeff saiu correndo e já tinha sua história.”

Confira duas páginas de Ultra, publicadas especialmente pelo blog Hero Complex, do Los Angeles Times, aqui.