HQ/Livros

Notícia

Estréia em Quadrinhos Star Trek: New Frontier

Estréia em Quadrinhos Star Trek: New Frontier

Fabrício Grellet
07.08.2000
00h00
Atualizada em
03.11.2016
13h02
Atualizada em 03.11.2016 às 13h02
As pessoas mais ligadas ao mundo do entretenimento conhecem e respeitam todo o trabalho desenvolvido desde os anos 60 com a telessérie Star Trek, que acabou tomando proporções míticas e migrou da TV para outros meios. Em setembro próximo, veremos mais um caso curioso protagonizado por Star Trek, desta vez afetando diretamente o mundo dos quadrinhos. Há anos a editora Pocket Books publica livros baseados na série, com uma linha que traz episódios considerados “oficiais” para todas as derivações da mesma (incluindo Star Trek: The Next Generation, ST: Deep Space Nine e também Star Trek: Voyager). Recentemente esta empresa alcançou grande sucesso com uma linha de publicações intitulada Star Trek: New Frontier, na qual se focaliza a nave Excalibur e a tripulação comandada pelo Capitão Calhoun. A situação no caso é peculiar, pois a editora tem autorização do estúdio Paramount (detentor dos direitos de Star Trek) para trabalhar com personagens e elementos reconhecidos dentro deste universo ficcional mas que, diferente das outras derivações da série original, New Frontier nunca esteve na TV ou nos cinemas. Resumindo: Star Trek: New Frontier é uma criação conjunta de John Ordover e Peter David, sendo este último um roteirista bastante conhecido pelos leitores de quadrinhos e pelos fãs ardorosos da série, e só existe nos livros da editora. Mas o caso não pára por aí, pois além de não “existir” para o meio de Star Trek, a série acaba de migrar para os quadrinhos, através de uma edição especial de 48 páginas coloridas, a ser lançada (ao preço de 5.95 dólares) pela Wildstorm / DC Comics. Com o título de “Time Management”, a revista mostrará o que ocorreu nos 18 meses que se passaram entre os livros Dark Allies e Double Helix: Book Five, um período não revelado na saga da Excalibur. Desta vez, veremos o Capitão Calhoun defendendo a civilização de Haresh da ação de um grupo de extremistas religiosos conhecidos como “Redeemers”, que escolheram esse planeta para ser “purificado”. Mas a missão não será simples, pois a nave terá de fazer um resgate de emergência no caminho, atrasando-a e levando-a a encontrar Haresh totalmente devastado. Irado com a situação, Calhoun decide efetuar uma incomum manobra de deslocamento temporal, chegando minutos antes dos “Redeemers” entrarem na órbita do planeta. Mas agora, além dos religiosos, a Excalibur terá de enfrentar a nave temporal “Relativity”, pertencente à Federação dos Planetas Unidos e que foi enviada do século 29 no intuito de impedir toda e qualquer manobra a ser feita por Calhoun. Com roteiro do próprio Peter David, Star Trek: New Frontier – Time Management terá arte da dupla Michael Collins e David Roach, e capa pintada por Brian Stelfreeze.