Netflix pode reduzir qualidade de vídeos na quarentena por coronavírus

Créditos da imagem: Netflix/Divulgação

Netflix

Notícia

Netflix pode reduzir qualidade de vídeos durante quarentena por coronavírus

Qualidade do streaming será reduzida na Europa por 30 dias

Pablo Raphael
20.03.2020
12h46
Atualizada em
24.03.2020
10h05
Atualizada em 24.03.2020 às 10h05

Atendendo a pedidos de representantes da União Européia, a Netflix vai reduzir a qualidade do streaming de vídeo na região por 30 dias, informou a Variety. O objetivo é não sobrecarregar as redes de internet do continente durante a quarentena causada pelo coronavírus e garantir o acesso da população à internet.

Em contato com o Omelete, a plataforma de streaming afirma que pode fazer o mesmo no Brasil.

"Começamos com a Europa, dadas as preocupações relatadas pelo comissário sobre as redes europeias. Continuaremos a trabalhar com provedores de serviços de Internet e governos de todo o mundo e aplicaremos essas mudanças conforme necessário em outros lugares", disse um representante da Netflix.

Na Europa, a taxa de bits do streaming será reduzida, o que diminuirá o uso de dados, mas vai reduzir a qualidade dos vídeos em HD. A União Européia estima que isso reduzirá o tráfego da Netflix nas redes européias em 25%.

Efeito Coronavírus na cultura pop

O COVID-19 é uma nova mutação da família coronavírus que está se espalhando em ritmo alarmante desde dezembro de 2019. A China foi o primeiro país vítima da epidemia, com infecções e mortes confirmadas em todas as suas províncias. Desde então, a presença do vírus foi confirmada em quatro continentes - incluindo a América do Sul, com casos no Brasil, Argentina e Chile.

Filmes como 007 - Sem Tempo Para MorrerVelozes e Furiosos 9Um Lugar Silencioso 2MulanNovos Mutantes entre outros, tiveram suas estreias adiadas por causa da pandemia. Entre 13 e 15 de março, os Estados Unidos registraram sua pior arrecadação em 20 anos nas bilheterias.