Música

Notícia

Nova Aerosmith continua... Joe Perry fala da substituição de Steven Tyler

Guitarrista quer comemorar os quarenta anos da banda mesmo sem o vocalista

Luciana Maria Sanches
23.01.2010, às 00:00
Atualizada em 30.11.2016, às 09:00
Atualizada em 30.11.2016, às 09:00

E a novela do Aerosmith continua... A última notícia da banda, que vem passando por uma fase turbulenta, dava conta da internação do vocalista Steven Tyler em uma clínica de reabilitação. Mesmo assim, o cantor se despediu dos fãs dizendo que não via a hora de voltar à ativa.

Esta semana, o guitarrista do grupo, Joe Perry, confirmou à QMI Agency, do Canadá, que os testes para um substituto de Tyler já estão em andamento: "Se Deus quiser vamos encontrar alguém até o meio do ano e botar os pés na estrada".

Aerosmith

None

Em resposta à última mensagem deixada por Tyler, Perry explicou que ele e o restante da banda não podem esperar pela recuperação do vocalista, uma vez que não há uma previsão de quando ela estará completa. A pressa do guitarrista tem a ver com as comemorações do aniversário de 40 anos do Aerosmith, em 2011, mas ele deixou claro que não é nada pessoal contra Tyler.

"Ele vai ter que passar por uma cirurgia na perna e no pé, o que vai tirá-lo de cena por um ano, um ano e meio. Então, no meio tempo, o resto da banda quer tocar. Vamos encontrar alguém que preencha a lacuna deixada por ele, como fizemos quando Tom [Hamilton, baixista] estava doente e o substituímos por David Hull. E quando Brad [Whitford, guitarrista] também estava mal e chamamos alguém para tocar no lugar dele. É assim que eu vejo a coisa: precisamos de outro cantor para preencher a vaga".

Perry falou que a banda já anda conversando com alguns candidatos, mas que espera ver se todos vão se dar bem antes de definir. O guitarrista também deixou claro que espera pela volta de Tyler: "Estou pronto para compor com ele, para tocar com ele no palco, a partir do momento que ele também estiver e quiser. Mas depende dele... E a última coisa que ele disse à imprensa era que gostaria de trabalhar com a banda, então vamos ver".

Leia mais sobre o Aerosmith

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados e cookies para as finalidades ali constantes.