Música

Notícia

Lady Gaga é acusada de plágio por "Shallow"

Compositor Steve Ronsen vê semelhança em sua faixa "Almost"

Julia Sabbaga
09.08.2019
15h19
Atualizada em
09.08.2019
16h15
Atualizada em 09.08.2019 às 16h15

Lady Gaga está sendo acusada de plágio pelo músico Steve Ronsen, que alega que a cantora usou uma progressão de três notas de sua faixa, "Almost", no hit "Shallow". A faixa de Ronsen, disponível apenas no Soundcloud, foi lançada em 2012:

Gaga não foi formalmente processada, mas recebeu uma ameaça jurídica do advogado de Ronsen, Mark D. Shirian, que segundo o Page Six, pede por "milhões e milhões de dólares". O advogado de Gaga, Orin Snyder, comentou a ação: "Mr. Ronsen e seu advogado estão tentando conseguir um dinheiro fácil de uma artista bem-sucedida. É vergonhoso e errado". Ele continuou: "Se o Mr. Shirian decidir proceder com o caso, Gaga lutará vigorosamente e ganhará". 

A equipe jurídica de Gaga ainda alegou que a progressão de notas é comum e pode ser ouvida também no hit do Kansas, "Dust In The Wind", de 1978. 

Lady Gaga levou a estatueta de Melhor Canção Original no Oscar por "Shallow", ao lado dos compositores Mark Ronson, Andrew Wyatt e Anthony Rossomando.