Jack White se pronuncia sobre caso de homofobia em show

Créditos da imagem: Teresa Sedo/Divulgação

Música

Notícia

Jack White se pronuncia sobre caso de homofobia em show

Casal de garotas foi proibido de se beijar na apresentação em Edmonton

Julia Sabbaga
07.11.2018
11h55

Jack White se pronunciou em seu Instagram após um caso de homofobia em seu show em Edmonton ter sido reportado pela CBC. Em um show no último dia 2, a fã Allyson MacIvor, presente na plateia, foi impedida por um funcionário do Rogers Place de beijar uma outra mulher. 

Hoje, dia 7, o músico disse ter dedicado a música "Love Interruption" para o casal em um show seguinte, em Calgary, e escreveu sobre o incidente: "Esta foto é de um casal de lésbicas compartilhando um beijo no show dos Beatles em 1964, enquanto o resto da plateia gritava pela banda. Esta é uma de minhas fotos favoritas porque mostra a beleza da situação; elas estão se escondendo na frente de todos. É 2018, e duas pessoas expressando sua afeição não deveriam ter que se esconder. A notícia de que duas mulheres foram impedidas de se beijarem durante o meu show em Edmonton me decepcionou muito. No show seguinte em Calgary eu dediquei a música 'Love Interruption' às duas mulheres e incentivei todos a beijarem seus amados. Vamos promover amor e aceitação sempre e em todo lugar que pudermos". 

Jack White atualmente promove o seu último álbum, Boarding House Reach, lançado em março - leia a nossa crítica.

O álbum é o terceiro solo de White a chegar ao topo da Billboard 200, depois de Lazaretto ter atingido o nº1 em 2014 e Blunderbuss também, em 2012.